8 receitas russas para utilizar restos de alimentos na geladeira

Getty Images
Encontrou ingredientes na geladeira que estão próximos da data de vencimento? Não tem motivo para jogar comida fora! Com um pouco de inspiração, você pode dar vida nova àquilo que iria para o lixo.

Nos séculos 18 e 19 os produtos alimentícios eram preservados com o uso de pó branqueador, ácido salicílico e fumigação de ervas na Rússia. Para um armazenamento mais longo, era preciso bloquear o acesso ao oxigênio, então os alimentos eram cobertos com xarope de mel, cera de abelha ou clara de ovo.

Outra opção era a de enterrá-los na areia, em cinzas ou em grãos. Acreditava-se então que se um produto perdesse seu cheiro desagradável podia ser comido.

Não, nós não vamos aconselhar que você esfregue carne com açúcar, como fazia o Livro de Receitas de 1808. Mas podemos lhe ensinar algumas dicas para cozinhar a partir com ingredientes produtos que tenham perdido o viço inicial.

  1. Soliánka de restos de carne

A soliánka é uma sopa que pode ser feita com qualquer produto derivado de carne que esteja jogado às traças na sua geladeira. Se só te sobrou uma última salsicha, um filé de frango do jantar de ontem e aum pouco de presunto do café da manhã, você tem o suficiente para fazer uma soliánka.

Acrescente às carnes um pouco de pepinos em conserva e de azeitonas, tomates amassados e um limão seco. Parece inacreditável, mas no final das contas você terá uma sopa deliciosa.

  1. Zapekanka

Se você não tiver nada de extraordinário na geladeira, pode jogar tudo o que tiver em uma zapekanka. A zapekanka pode ser feita com quaisquer sobras (batatas, massas) e até mesmo com mingau de trigo sarraceno.

A receita é simples: corte uma cebola em anéis e rale queijo. Coloque metade do mingau de trigo sarraceno do jantar da noite anterior em uma assadeira untada com óleo, cubra com metade da mistura de queijo e cebola. Polvilhe com ervas e temperos. Adicione outra camada de mingau e queijo. Despeje um ovo batido por cima e asse por 20 minutos.

Outras duas receitas desta maravilha aqui e aqui.

  1. Pirojki de carne

Os russos simplesmente amam tortinhas, por isso elas têm uma variedade infinita de recheios. E cada um pode inventar seu próprio recheio picando uma salsicha ou qualquer carne cozida que esteja ficando velha na geladeira preparada com cebolas salteadas e cenouras, restos de arroz de outras refeições e ervas picadas. A única coisa que falta é fazer a massa!

Aqui você encontrará uma porção de receitas!

  1. Omelete de verduras ao estilo do Daguestão

Talvez você comece o dia, todos os dias, com um prato que parece a omelete “mandirmak”, do Daguestão, e simplesmente não saiba disto.

Seguindo a receita clássica, corte uma cebola em anéis e refogue em óleo até que estejam um pouco cozidas. Acrescente uma camada de tomate fatiado e outra de batatas cruas raladas. Adicione sal e pimenta a gosto. Cozinhe tudo por 10 minutos em fogo baixo.

Enquanto isto, bata os ovos com sal e despeje-os sobre os legumes, deixando ferver em fogo baixo até que cozinehm. Leva cerca de 25 minutos para as batatas cozinharem.

A omelete cozida é então virada e polvilhada com ervas. Para uma versão do prato em tempos de crise, use verduras velhos, restos de batatas cozidas de outras refeições e ovos.

  1. Torrada francesa e croutons

O pão velho se transforma em um delicioso lanche, conhecido como torrada francesa, se for embebido em uma mistura de queijo ralado e ovos e cozido no forno ou frito em uma panela.

Além disso, pão velho pode ser usado para fazer croutons  que são saboreados com uma sopa ou salada. Para tanto, o pão é fatiado, disposto em uma assadeira, colocado no forno e assado até dourar.

Indo ainda mais além, os croutons podem ser passado por um moedor de carne e se transformam em uma farinha de rosca maravilhosa que podem ser usada para empanar croquetes Pojarski ou couve-flor.

  1. Bolinhas doces de arroz

O que fazer com o arroz que sobrou? Misture mingau de arroz, queijo cottage, ovo, algumas colheres de açúcar e farinha, além de uma pitada de baunilha e, se quiser, uvas passas. Se a mistura não estiver doce o suficiente, acrescente açúcar. Se não estiver consistente o suficiente, coloque mais farinha. Enrole bolinhas de arroz, passe-as na farinha e frite no óleo em uma frigideira.

A receita também pode ser conferida aqui

  1. Biscoitos de aveia

Se você tiver um pouco de mingau de aveia que tenha sobrado do café da manhã, transforme-o em biscoitos. Com um mixer, bata ovo e açúcar, acrescente o mingau, bata um pouco mais e adicione três colheres de sopa de óleo.

Depois, acrescente fermento em pó (meia colher de chá), farinha (100 g. a cada 200 g. de mingau) e baunilha para dar sabor. Misture até obter massa pegajosa. Coloque os biscoitos em uma assadeira e leve ao forno pré-aquecido a 200 graus Celsius por 10 a 15 minutos. Você pode adicionar passas, damascos secos, ameixas e tâmaras aos biscoitos – só preste atenção para não deixar muito deste recheio ficar para o lado de fora do biscoito para não queimar.

  1. Molhos e ervas

Todas as bagas e verduras podem ser transformadas em molhos. Tomates maduros demais, podem virar pasta de tomate. Aliás, qualquer molho restante sempre pode ser guardado em uma bandeja para fazer gelo no freezer.

Com ervas mais velhinhas também funciona: bata-as no liquidificador com azeite e alho ou simplesmente coloque em água fervente. Você poderá acrescentar as ervas preservadas desta maneira em uma sopa ou carne ensopada meses mais tarde.

Acha que sabe tudo sobre a cozinha russo-soviética? Então faça o teste e responda para que servem estes utensílios domésticos!

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail? 
Então assine nossa newsletter semanal ou diária.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies