Aos 15 anos, patinadora russa entra para o livro Guinness dos Recordes pela terceira vez

Raniero Corbelletti/AFLO/Global Look Press
Mais um salto quádruplo garantiu nova menção a Aleksandra Trúsova.

A jovem estrela da patinação artística Aleksandra Trúsova, de 15 anos, entrou pela terceira vez no livro Guinness dos Recordes. O título se deve a uma virada quádrupla no programa livre da final do Grand Prix, realizada em dezembro de 2019 em Turim, na Itália. Trúsova é a primeira mulher a dar esse salto em uma competição oficial.

Suas duas primeiras entradas no livro Guinness dos Recordes também se devem a saltos quádruplos: o toe loop e o lutz.

No entanto, a patinadora, que trocou recentemente de treinador, não planeja se contentar com o que já alcançou e está trabalhando em um novo salto que nenhum atleta jamais fez em grandes torneios.

“Meus pais me disseram que entrei pela terceira vez. Estou feliz, porque aspirava a isso e pratiquei muito para entrar no livro. Dos saltos quádruplos, só falta o loop, então vou tentar aprendê-lo e fazê-lo durante as próximas competições”, explicou a jovem patinadora ao portal de notícias RBK.

LEIA TAMBÉM: 6 recordes que os russos bateram durante a quarentena

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies