Putin participa de tradicional mergulho em águas geladas durante Epifania

É a primeira vez que o Kremlin divulga ida do presidente ao evento.

O presidente russo, Vladimir Putin, visitou um monastério ao noroeste de Moscou nesta quinta-feira (18) e mergulhou nas águas geladas do lago Seliger para celebrar a Epifania, data que comemora o batismo de Jesus Cristo, segundo informou o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov.

“Por ocasião da Epifania, Putin participou da liturgia e também do mergulho no lago Seliger”, disse Peskov.

Putin visitou o monastério de Nilo-Stolobensky, na região de Tver, após passar também por São Petersburgo e a região de Leningrado.

Neste inverno, a região central da Rússia não passou pelo tradicional frio que atinge a área, e esta noite a temperatura não foi abaixo de 6 ou 7 graus negativos, disse Peskov.

Esta não é a primeira vez que Putin participa de rituais em águas geladas. O presidente já participou do evento de banho sagrado “por muito anos”, acrescentou o porta-voz.

Os rituais de banho em águas geladas acontecem na madrugada de 19 de janeiro, durante um dos principais feriados ortodoxos, a Epifania. Apesar disso, a natação no gelo é considerada mais um costume popular do que um ritual religioso.

Quer saber mais sobre esses rituais de banho em águas geladas? Leia "Guia de sobrevivência na Epifania ortodoxa"

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies