Os 5 melhores ringues de patinação de Moscou

Geodakyan Artem/TASS
Inverno na Rússia não é só neve. É gelo também! E isso significa não apenas que você tomará inúmeros tombos na rua, como poderá se deliciar em patinar nos ringues dos mais belos parques moscovitas.

1. Pista de patinação do GUM 

Por que não patinar em plena Praça Vermelha? Isto é possível: um ringue temporário de patinação no gelo abre todos os anos na praça mais famosa do país. Apesar de o ringue em si não ser lá muito grande, a vista é de encher os olhos: os muros vermelhos do Kremlin e suas torres, o Museu Histórico, a Catedral de São Basílio e a loja de departamentos GUM decorada com luzes de Natal. Tudo para te fazer mergulhar no clima de Ano Novo!

Bem ao lado do ringue também há uma enorme árvore de Natal e uma feirinha onde é possível se aquecer com chá ou vinho quente, comer as famosas panquecas russas (e muitas outras comidinhas de rua tradicionais no país) e comprar artesanato russo.

E claro, não deixe de entrar no GUM, um dos edifícios mais bonitos do país.

gumrussia.com/rink

2. Parque Górki

Um dos espaços públicos mais populares de Moscou, o parque monta anualmente um enorme ringue de patinação – neste ano, com 19 mil metros quadrados.

Tradicionalmente, as pistas de patinação passam pela Praça Central do parque e ao longo de caminhos adjacentes.

Neste ano, o Parque Górki anunciou a aparição de um “ringue stereo”: a Alameda Central se transforma em pista de dança onde os principais DJs e promotores de casas noturnas fazem festas semanalmente.

Há também uma caixa stereo de 10 metros com imagens 3D e instalações de iluminação no parque. Além disso, os Stereo Typer, personagens fantasiados sobre patins, tentam jogar bolas de neve nas pessoas – esteja preparado!

Se você se cansar de patinar, sempre é possível visitar o fantástico Museu Garage de Arte Contemporânea, localizado bem ali no parque.

park-gorkogo.com

3.Parque VDNKh

No ano passado, o World Record Academy classificou o VDNKh como a maior arena de patinação em gelo sintético. Mais de 20 mil metros quadrados de alegria congelada irão levá-lo a patinar por pavilhões de exposição, artefatos espaciais e adoráveis fontes da era soviética.

Há dezenas de áreas de alimentação e cafés no parque, então não fique com medo: você não terá frio com os chás servidos por todos os lados.

O VDNKh vale com certeza a visita, não apenas por causa de seu ringue de patinação, mas devido a todas as coisas interessantíssimas que ali acontecem: uma exposição multimídia sobre a história da Rússia, o Moskvarium (um enorme oceanário com show de animais aquáticos), aulas de artesanato, passeios espaciais e, finalmente, uma exposição das obras de Kazimír Malêvitch. 

4.Parque Sokólniki

O ringue de patinação “Gelo” aberto neste inverno deve muito a tecnologias especiais de extensão do gelo. A área de gelo aqui é menor que a do Parque Górki ou do VDNKh, e totaliza 5.300 metros quadrados, mas normalmente fica menos abarrotada.

O Sokólniki é famoso há tempos por sua música e dança no gelo. Porta-vozes do parque anunciaram que neste mês de janeiro o ringue será equipado com um aquecedor de mãos gigante, e o parque já tem um aquecedor de pés.

Também há ali cafés e pontos para aluguel de patins.

www.parksokolniki.com

5.Ringues de patinação em lagoas

Se você gosta de uma atmosfera mais pessoal, visite as lagoas Patriaschie e Chistie. A superfície da água estará coberta de gelo e ambos os locais oferecem entrada gratuita com iluminação bacana e shows de laser, música e discoteca.

Estas são as áreas mais antigas da cidade para se patinar, então você poderá se sentir como um moscovita retrô.

Há também pequenos ringues no parque Ostankino, Jardim Baumana, Poklonnaia Gora (Parque da Vitória), Lujniki e até no terraço da galeria de exposições “blockbuster”  Artplay.

Importante: Busque sempre informações sobre o local e não caminhe ou patine em lagos ou outros mananciais isolados. Em determinadas épocas do ano e regiões, o gelo pode ceder, causando acidentes fatais.

Quer saber mais sobre inverno russo? Leia Como sobreviver ao inverno russo sem congelar!

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais