Tortinhas de creme de leite com frutas, uma sobremesa soviética refrescante

Hoje, os amados doces da URSS, "korzinotchki", não são tão conhecidos e são vendidos principalmente em confeitarias retrô. Mas, ainda assim, são deliciosos!

Essas pequenas tortinhas de massa quebrada - ou “korzinotchki”, como são chamadas na Rússia – estavam entre as sobremesas mais populares da URSS. A partir de meados do século 20, era possível encontrá-las facilmente na maioria das confeitarias, mercearias e até em cantinas de empresas e escolas. Elas estavam praticamente sempre à venda, apesar da escassez de muitos outros produtos alimentícios.

Tradicionalmente, os korzinotchki eram recheados com creme feito à base de manteiga ou creme de ovo e também eram decorados com algumas flores, folhas e cogumelos feitos de creme. Na verdade, havia dezenas de variações de tortinhas, então elas também eram feitas com vários recheios: geleia, frutas e bagas enlatadas, creme de nozes e até suspiro. A única constante para todos os tipos possíveis de tortinhas era uma base de massa quebrada, sempre assada em pequenas formas de tortinhas de metal com bordas recortadas.

Em vez de usar manteiga ou ovos ​​para o creme, optei por outro recheio tradicional russo mais leve: a smetana (creme de leite azedo ou “sour cream”) com uma quantidade mínima de açúcar que a deixa com um sabor absolutamente delicioso. Adicione algumas frutas frescas da estação, e eis o doce ideal para refrescar com um toque de estilo soviético.

Ingredientes para a massa:

160 g de farinha de trigo;

70 g de manteiga;

40 g de açúcar;

1 ovo;

½ colher de chá de fermento em pó;

1 colher de chá de essência de baunilha;

Uma pitada de sal;

Ingredientes para o creme:

150 g de creme de leite fresco (com teor de pelo menos 30% de gordura);

150 g de creme de leite azedo (com teor de pelo menos 20% de gordura);

2 a 3 colheres de sopa de açúcar;

Bagas para decorar.

Modo de preparo:

  1. Com a batedeira, em uma tigela grande, bata a manteiga com o açúcar por alguns minutos, até que a mistura fique macia e o açúcar quase se dissolva.

2. Em seguida, adicione a baunilha, um ovo e bata por mais 3 a 5 minutos até obter uma consistência suave e aerada.

3. Adicione a farinha, o fermento e o sal e bata a massa: comece com uma espátula e continue a amassar com as mãos. É melhor você fazê-lo rápido para que a manteiga não derreta. Você deve obter uma massa quebrada não pegajosa, bastante grossa, mas ainda elástica. Forme para uma bola, achate levemente, embrulhe em filme plástico e deixe na geladeira por meia hora.

  1. Em seguida, divida a massa em 8 a 10 bolas, dependendo do tamanho das formas de cozimento.

5. Trabalhando com uma forma de cada vez; espalhe a igualmente sobre a forma com os dedos e repita com o resto. Fure o fundo com um garfo e coloque as formas na geladeira por 15 a 20 minutos, para que a massa esfrie.

6. Asse as tortas a 210 graus Celsius por cerca de 15 minutos até que as bordas fiquem ligeiramente douradas. Retire do forno e deixe esfriar completamente.

7. Enquanto isso, prepare o creme: bata o creme de leite fresco bem gelado até que comece a formar desenhos.

8. Em uma tigela separada, bata o creme de leite azedo com açúcar por um minuto - quanto mais gordura o creme de leite azedo tiver, mais forma ele tomará. Em seguida, adicione o chantilly que já bateu e misture delicadamente com uma espátula até obter uma consistência suave e cremosa.

9. Coloque o creme em um saco de confeitar e encha as tortas resfriadas. Você também pode usar uma colher comum para colocar o recheio.

10. Adicione algumas bagas ou frutas da estação frescas – eu gosto de morango e cereja preta - e deixe as tortas na geladeira por algumas horas. É preciso algum tempo para o creme obter uma consistência de mousse. Priátnogo appetíta!

LEIA TAMBÉM: Nardek, o mel de melancia que não tem mel algum; aprenda receita

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies