Por que os russos recebem convidados com pão e sal?

Vladimir Smirnov/TASS
Cristiano Ronaldo pode ter achado engraçado quando recebeu uma recepção estranha ao chegar à Copa do Mundo na Rússia, mas há história por trás desta tradição!

A seleção de futebol de Portugal chegou à Rússia no último sábado (9) para a Copa do Mundo e recebeu uma recepção esquisita: foi presenteada com pão e sal.

Cristiano Ronaldo achou a coisa toda muito divertida, já que moças em vestimentas nacionais ofereciam um pão enorme e sal para os jogadores e treinadores, que o provaram.

Por mais estranho que pareça, porém, o gesto é uma antiga tradição russa para saudar convidados importantes.

Pão é tudo para os russos

Na Rússia, visitantes quase sempre têm uma recepção calorosa. Os habitantes locais fazem de tudo para garantir que eles tenham de tudo e não poupam nada – isto está no sangue da nação, e não se assuste se ele esperar uma recepção à altura quando um russo for visitá-lo!

Na antiga Rússia, o pão e o sal simbolizavam prosperidade e saúde. Assim, os anfitriões vestiam suas melhores roupas, preparavam um banquete e ofereciam um ou dois pães com sal aos convidados.

O Ministro das Relações Exteriores da Alemanha, Sigmar Gabriel, e seu homólogo russo, Serguêi Lavrov, durante cerimônia de boas-vindas ao primeiro.

O pão na cultura eslava tem um status sagrado: não ter pão em casa significa que não há nada para comer, já que todas as refeições incluem o pão. "Pão é a base da vida" é, provavelmente, o provérbio russo mais famoso.

Para compartilhar um pood de sal

Hoje já não há escassez de sal no mundo. Mas na Rus antiga e medieval, o produto era bastante caro e nem todo mundo podia pagar.

Durante meados do século 17, o aumento do preço do sal levou a tumultos em Moscou. O imposto sobre o sal foi completamente abolido no final do século 19. Só depois disso a commodity se tornou acessível.

É por isso que os russos o guardavam para ocasiões especiais, como quando recebiam convidados.

Compartilhar um ‘pud’ de sal

O guitarrista dos Scorpions, Rudolf Schenker, no lançamento do livro “Rock Your Life” na Rússia.

Também se acreditava que se alguém quisesse ofender o anfitrião era só espalhar sal no chão. O gesto expressava desprezo. Hoje, o sal não vale muito, mas espalhá-lo pelo chão ainda é usado para insultar alguém - e confie na gente, isto pode resultar em brigas de verdade.

Os russos, porém, dizem o seguinte sobre amigos verdadeiros: "Juntos, eles comeram um ‘pud’ de sal". O “pud” é uma medida russa equivalente a 16,38 quilos, e a frase significa que os amigos passaram por muitas dificuldades juntos.

O começo de uma amizade

Seguindo a tradição, os hóspedes são recebidos por mulheres em trajes nacionais que seguram em uma toalha um grande pão redondo com um saleiro no topo.

O convidado deve cortar um pedaço do pão cuidadosamente, mergulhá-lo no sal e comer - isto indica que uma amizade foi forjada entre as duas partes.

A antiga crença é de que se os piores inimigos compartilharem pão e sal, eles se reconciliarão.

O presidente venezuelano Hugo Chávez (esq.) em visita à fábrica de helicópteros Rostvertol, em 2007.

Outra história conta que o sal simboliza a pureza da alma, já que tem vida útil ilimitada, e, ao oferecer pão e sal, os russos não apenas desejam riqueza aos convidados, mas também afastam tudo que é ruim. Além disso, o gesto verificaria se a pessoa é humana, e não um espírito.

Mas, se o convidado não aceitasse o presente, ele não teria permissão para entrar na casa – isto para evitar o mau-olhado e seus maus pensamentos.

Desde os tempos antigos, os anfitriões hospitaleiros na Rússia são chamados de “khlebosólnie” ( algo como “do pão e do sal”).

Na Rússia atual, a tradição ainda é popular: ela pode ser vista durante recepções oficiais, assim como em restaurantes dedicados a turistas estrangeiros.

Casamento russo.

Na maioria das vezes, porém, isto ocorre em casamentos tradicionais russos, onde os pais dos noivos ​​recebem seus filhos com pão e sal após a cerimônia.

O marido e a mulher devem quebrar um pedaço de pão, mergulhá-lo no sal e colocar um na boca do outro.

Isto significa que eles estão prontos para superar quaisquer dificuldades juntos e que prometem sempre cuidar um do outro.

Descubra 7 tipos de pães russos que você vai querer comer agora mesmo!

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail? 
Clique 
aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies