Rússia retoma voos com seis países, incluindo Venezuela

Pixabay
Alemanha também entra para o pequeno rol de países europeus com conexões para Rússia. 

A partir desta quinta-feira (1º de abril), a Rússia irá restabelecer as conexões aéreas regulares com Alemanha, Uzbequistão, Sri Lanka, Síria, Tajiquistão e Venezuela. Mais precisamente, serão retomados os voos entre Moscou e São Petersburgo e as cidades de Berlim, Frankfurt am Main, Caracas, Damasco e Colombo, além de Tachkent e Duchambé.

A decisão ad hoc foi tomada na última segunda-feira (29), após reunião da unidade de crise encarregada de prevenir a propagação do coronavírus na Rússia.

Inicialmente, serão cinco voos semanais de Moscou para Frankfurt am Main e Berlim, e três voos por semana entre a primeira dessas cidades alemãs e São Petersburgo.

A Alemanha torna-se, assim, o terceiro país da UE com o qual a Rússia restabelece conexões aéreas; até agora, apenas aviões de carga voavam entre os dois países. Os outros dois Estados europeus cujos voos comerciais já foram relançados são Grécia e a vizinha Finlândia.

VEJA TAMBÉM: Como estão as cidades russas um ano após as restrições impostas pelo coronavírus

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies