Criado para rainha da Inglaterra, carro de couro está à venda na Rússia

SwapBlogRU
“Você pode afundar, secá-lo e continuar dirigindo”, diz atual proprietário.

O anúncio de um carro totalmente revestido de couro, incluindo o motor, foi publicado no Auto.ru, um dos mercados automotivos on-line mais populares do país.

O modelo, chamado ‘Amuleto’, é baseado em uma plataforma personalizada Toyota Crown IX (S140) 1995. Possui um motor de 2,5 litros com 230 cavalos de potência e tem apenas 10.000 quilômetros rodados.

O corpo inteiro do carro é coberto com couro de bisão canadense, de acordo com o Auto.ru. O material não se deteriorou por elementos e reagentes graças à laminação regular pelo proprietário, e o carro pode ser lavado como qualquer outro.

O carro foi produzido há pelo menos cinco anos por 88 milhões de rublos (cerca de US$ 1 milhão). No anúncio, pede-se 25 milhões (cerca de US$ 315.000).

“Você pode afundar, secá-lo e continuar dirigindo”, diz o homem que parece ser o atual proprietário, apresentado como Valera Master em um programa de TV no canal Rossiya-1 em 2015. O Russia Beyond o procurou, mas ele não quis dar entrevista.

Parte do motor também é revestida de couro e strass, enquanto o corpo e o interior são decorados com antigos símbolos eslavos, uma cortesia do artista Mikhail Zolotov.

O capô interno é coberto com vison siberiano, e vison escandinavo é usado em outros detalhes do interior. O banco traseiro é feito de zibelina de Barguzin.

Ainda segundo a reportagem do canal Rossiya-1, o estilo era ideia de um oligarca russo não identificado. O carro seria um presente para a Rainha Elizabeth II, mas o proprietário original morreu repentinamente, e o modelo jamais saiu da Rússia.

LEIA TAMBÉM: 5 fatos sobre Argo, o monstro-anfíbio soviético de 8 rodas

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies