Casos de coronavírus na Rússia saltam para mais de 1.000 nas últimas 24 horas

Reuters
País registrou maior aumento em um dia.

Mais 196 pessoas testaram positivo para o novo coronavírus na Rússia durante as últimas 24 horas. No total, há 1.036 casos de covid-19 no país, informou o centro de monitoramento de coronavírus nesta sexta-feira (27).

“Até o momento, a Rússia registrou 1.036 casos de infecção por coronavírus (..) em 58 regiões. Sete pessoas foram liberadas dos hospitais, após recuperação nas últimas 24 horas. Durante todo o período [desde o primeiro caso no país], 45 pessoas receberam alta hospital”, informou o centro de monitoramento de coronavírus.

Segundo informações oficiais, uma pessoa também veio a óbito nas últimas 24 horas, elevando o número total de mortes para quatro.

Os 196 novos casos de coronavírus na Rússia foram registrados nas 16 regiões do país, com maior incidência na capital (157), Crimeia (12), e nas regiões de Moscou (8), Volgogrado (3) e Tchetchênia (2).

O governo russo recomendou que os cidadãos se abstenham de viajar, com exceção de casos essenciais, e pediu que as pessoas fiquem em casa, em um esforço para impedir a propagação do coronavírus, disse o primeiro-ministro Mikhail Michustin.

O Kremlin também confirmou que um membro da administração presidencial foi diagnosticado com o novo coronavírus. Segundo o porta-voz Dmítri Peskov, a pessoa infectada não teve contato recente com Putin.

LEIA TAMBÉM: “Se seguirmos exemplo italiano, pandemia vai durar, na melhor das hipóteses, até setembro”

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies