Aliona Kostornaia é a nova sensação da patinação no gelo mundial (FOTOS)

Vladímir Pesnia/Sputnik
A adolescente russa de apenas 16 anos já ganhou três grandes prêmios em sequência e estabeleceu um novo recorde mundial no Grand Prix do Japão.

A Rússia já perdeu a conta de quantos jovens talentos revelou nas pistas de gelo. Nas Olimpíadas de Inverno de 2014, o mundo conheceu Iulia Lipnitskaia; nos jogos de 2018, Alina Zagitova e Evgenia Medvedeva. Todas essas três garotas tinham como treinadora Eteri Tutberidze, considerada uma das melhores e mais bem-sucedidas técnicas de patinação no gelo de todos os tempos, a ponto de ganhar uma medalha de honra do presidente Pútin.

Em 23 de novembro de 2019 na cerimônia de premiação do Troféu NHK, no Makomanai Sekisuiheim Ice Arena, Hokkaido, Japão.

Neste ano, uma nova e ainda mais jovem – estrela despontou, também vinda da constelação formada por Tutberize. Seu nome é Aliona Kostornaia e ela já está colecionando medalhas e batendo recordes.

Em 1 de novembro de 2019, durante o short program no Grand Prix Internacional da França 2019, no Patinoire Polesud, em Grenoble, França

A família da Aliona tem conexões com o esporte: seu pai é atleta e sua mãe também foi patinadora artística. Eles colocaram Aliona num rinque de patinação no gelo pela primeira vez quando ela tinha apenas 4 anos e, de acordo com o que eles próprios contam, não parecia que ela teria futuro na atividade.

Em outubro de 2019,  durante o short program  feminino do Troféu Finlândia, em Espoo, Finlândia.

Mas não acharam que deveriam desistir de Aliona tão rápido. Logo ela conseguiu dar seus primeiros saltos e, no fim das contas, ficou empolgada com a ideia da patinação artística. Em 2016, a atleta mudou de técnico e começou a ser orientada por Tutberize conhecida por ter atletas que sempre terminam subindo ao pódio. E era isso que Aliona sonhava também.

Em 24 de novembro de2019, na exibição de gala do Grand Prix do Japão 2019 Troféu NHK, no Makomanai Sekisuiheim Ice Arena, Hokkaido, Japão.

Kostornaia ganhou sua primeira medalha de ouro internacional na temporada de 2017-2018, vencendo o Grand Prix Junior, na Polônia. Assim, ela obteve a chance de se apresentar na final do Grand Prix Junior no Japão, mas acabou ficando com a medalha de prata.

1 de novembro de 2019, durante o short program do Grand Prix Internacional da França 2019, em Grenoble, França.

Naquela mesma temporada, ela se saiu muito bem nas competições nacionais russas: ficou em segundo lugar no campeonato de juniores. Em seu primeiro campeonato na série principal, ela ficou com o bronze e logo depois ganhou o ouro na outra competição mais importante da época, a Copa Nacional de Patinação no Gelo.

Em 28 de junho de 2019, durante o Dream On Ice 2019 no Shinyokohama Skate Center em Kanagawa, Japão.

Durante a temporada de 2018-2019, ela ganhou duas etapas do Grand Prix, mas ficou com o bronze na final. A competição de 2019-2020 é seu mais recente feito.

Em 23 de novembro de 2019, no Grand Prix do Japão 2019 Troféu NHK, no Makomanai Sekisuiheim Ice Arena, Hokkaido, Japão.

Durante o Grand Prix do Japão (O Troféu NHK) ela caiu durante os treinos, mas ainda assim conseguiu o ouro, além de quebrar o recorde do short program (85,04).

LEIA TAMBÉM: 7 esportes de Vladimir Putin

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies