4 maneiras de lutar LEGALMENTE na Rússia

Por que correr o risco de ser preso quando se pode visitar esses clubes de luta russos e ser nocauteado com todo o respaldo da lei?

Campeonato de Luta de Rua Strelka

Strelka é uma das comunidades de luta mais democráticas e vibrantes da Rússia atualmente. Tudo começou quando um ex-membro da equipe do lutador de MMA Fiódor Emelianenko se viu sem emprego e decidiu criar um novo campeonato amador. E a ideia pegou. O clube de luta Strelka se tornou uma das comunidades de luta de rua mais populares e seguidas na internet russa. O evento cresceu rapidamente e se expandiu para muitas cidades – dentro e fora da Rússia.

As regras são simples: sem rodadas; um ringue improvisado com areia, em vez de lona; e a luta só acaba quando um dos competidores se rende ou não consegue mais continuar.

É divertido assistir, e muitos concordam que é também divertido lutar. Aliás, estrangeiros são bem-vindos. A menos que seja um torneio importante (às vezes, mesmo que seja um torneio de peso), também podem rolar lutas espontâneas; já aconteceu, por exemplo, de um membro da plateia se voluntariar para lutar no ringue.

Apesar da natureza desses encontros, prevalece um ambiente amigável e seguro.

Para se inscrever antecipadamente para uma luta, clique aqui.

Batalha pelo Hype

Este é um campeonato amador no estilo MMA produzido pelo conhecido blogueiro russo-georgiano Amiran Sardarov para o YouTube.

Não é tão democrático quanto o Strelka, pois está centrado em lutadores que já têm uma certa presença on-line (daí o nome do campeonato), embora pessoas comuns possam ser convidadas. As regras também diferem: duas rodadas de quatro minutos cada, com possibilidade de uma terceira, em caso de empate. É mais organizado e voltado para o YouTube do que o Strelka, embora menos autêntico.

Ao contrário do Strelka, é obrigatório fazer registro prévio para participar das lutas. Para se inscrever, clique aqui.

Campeonato de Bofetada na Rússia

A Rússia inteira conheceu esse ‘esporte’ incomum em 2019, depois que o Campeonato de Bofetada na Rússia foi realizado em Krasnoiarsk e transformou o agricultor Vassíli Kamotski, de 28 anos, em uma sensação da internet.

O rapaz de 168 quilos literalmente tombou seus adversários um a um e conquistou o prêmio principal, incluindo 466 dólares.

Desde então, os concursos de bofetada na Rússia também se multiplicaram no YouTube. O blogueiro acima mencionado produz atualmente o programa “Rostos de Pedra”, onde todos podem tentar derrotar Vassíli em seu próprio jogo.

As inscrições para o torneio também estão abertas para estrangeiros.

Clique aqui para se candidatar e não esqueça de marcar a opção “Каменные лица” (“Rostos de Pedra”) na primeira pergunta do formulário de registro.

‘Parede Contra Parede’

Esse tradicional ‘passatempo’ russo ganhou popularidade nos EUA quando Snoop Dogg postou um vídeo dos jogos anuais que são realizados na vila de Atmanov Ugol, na região de Tambov. “Sem armas, apenas mãos”, comenta o rapper no vídeo.

As rixas massivas, conhecidas como ‘Parede Contra Parede’ (“Стенка на стенку”), nas quais dois grupos de homens lutam para expulsar os adversários de uma área demarcada, são um entretenimento popular durante festividades por toda a Rússia.

Às vezes, os eventos exigem inscrição, mas outros, não. Cheque com frequência este site (e outras páginas e publicações que anunciam eventos e festivais) em busca de anúncios das próximas lutas. Preste especial atenção ao feriado de Maslenitsa, que ocorre no final de fevereiro: o ‘Parede Contra Parede’ é obrigatório durante esta data.

LEIA TAMBÉM: Karatê comunista: versão mais sangrenta que a original chegou a ser banida pelo Kremlin

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies