Anéis antigos são achados durante revitalização no centro de Moscou

Vyacheslav Prokofyev/TASS
Pratos de cerâmica e vidro, azulejos pintados e outras joias também foram encontrados. Maioria dos itens foi descoberta no local do novo parque Zariadie.

Arqueólogos de Moscou encontraram artefatos do século 17 ao 19 enquanto renovavam alameda Armyansky, perto da estação de metrô Tchistyie Prudy, no centro da capital informou o site da Prefeitura na última quinta-feira (7).

Entre os itens encontrados estão fragmentos de pratos de cerâmica e vidro, azulejos pintados e joias. Anéis de metal masculinos decorados com símbolos heráldicos e motivos florais também foram achados, assim como anéis de ágata.

O monitoramento arqueológico começou na capital russa em março passado e seguirá até setembro. Milhares de fragmentos de construções e artefatos já foram encontrados, dos quais muitos foram descobertos no local onde está o novo parque Zariadie – incluindo um colar inglês do século 16 decorado com a rosa de Tudor. Na rua Varvarka, também no centro, os arqueólogos desenterraram 43 mil moedas de prata.

Todos os achados arqueológicos – como parte da muralha de Kitai-Gorod do século 16 – podem ser vistos no Museu de Moscou e no Museu Zariadie.

Veja alguns dos itens encontrados e atualmente expostos:

Não conhece a história de Moscou? Então saiba como a paixão de um príncipe está relacionada à fundação da cidade

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail? 
Clique 
aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies