Vacinação terá impacto direto sobre economia na Rússia

Reuters
Banco Mundial avaliou impacto da vacinação contra covid-19 sobre recuperação econômica do país.

A vacinação em grande escala da população contra o coronavírus ajudará na recuperação da economia russa após a crise de 2020, segundo o relatório “Perspectivas do desenvolvimento da economia mundial” publicado pelo Banco Mundial, na última terça-feira (5 de janeiro).

De acordo com os autores do relatório, caso o governo realize todas as medidas contra a propagação da pandemia, inclusive a vacinação da população, o crescimento econômico da Rússia se intensificará em escala moderada em 2021 e chegará a 2,6%.

"A distribuição da vacina no início de 2021 ajudará na recuperação da economia. Em 2022, o crescimento atingirá 3%", lê-se no documento.

Devido à crise econômica causada pela pandemia do coronavírus, o PIB (Produto Interno Bruto) da Rússia caiu 4% em 2020, segundo dados do Banco Mundial,.

O Banco Mundial já havia emitido à Rússia recomendações para a aceleração do crescimento econômico e a integração nas cadeias de valor globais. Entre essas, estavam a revisão da política de substituição de importações, o apoio ao setor de serviços e a criação de uma instituição nacional para atrair de investimentos.

Segundo o diretor do Banco Mundial, David Malpas, a produção global voltará aos níveis pré-pandêmicos em dois a três anos.

LEIA TAMBÉM: Número de imigrantes despenca na Rússia

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies