Rosneft participará de exploração de jazidas de gás em Moçambique

Reuters
Petrolífera russa assinou um memorando de cooperação com a Corporação Nacional de Hidrocarbonetos de Moçambique.

A Rosneft, maior petrolífera estatal russa, assinou um memorando com a Corporação Nacional de Hidrocarbonetos E.P. (ENH) de Moçambique para a exploração conjunta de jazidas de gás natural na plataforma continental moçambicana.

As negociações entre o presidente de Moçambique, Filipe Nyusi, e seu homólogo russo, Vladimir Putin, realizadas em 22 de agosto, culminaram também em um acordo de cooperação entre a Rosneft e o Instituto Nacional do Petróleo de Moçambique.

Em outubro de 2018, o consórcio da Rosneft e da norte-americana ExxonMobil selaram contratos de concessão com o governo de Moçambique para a exploração e a produção de hidrocarbonetos em três blocos das jazidas na plataforma continental moçambicana. As empresas já iniciaram os trabalhos de exploração e preveem descobertas significativas de gás. Além da Rosneft (20%) e da ExxonMobil (50%), o consórcio inclui ainda a ENH de Moçambique (20%) e a Qatar Petroleum (10%).

LEIA TAMBÉM: Quatro questões sobre o setor de energia russo

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies