8 produtos que grandes marcas internacionais customizaram para a Rússia

Empresas globais "russificaram" marcas para conquistar os corações dos consumidores russos.

1. iPhone à moda russa

A marca de joias Caviar é famosa por sua capas de telefone de luxo, e lançou uma coleção russa em 2014 com mais de 60 modelos de telefones e acessórios decorados em estilo russo. Entre eles, estão o iPhone X em homenagem a Putin, o iPhoneX inspirado nos vulcões do Kamchatka e um iPad mini banhado a ouro.

2. O tradicional creme Nivea em nova embalagem

A empresa alemã de cosméticos Nivea chegou à Rússia ainda no início do século 20. Em 2014, ela lançou um projeto de caridade para reconstruir pistas locais de patinação abandonadas.

Para celebrar a iniciativa, a Nivea apresentou seu clássico creme corporal com uma ação de marketing especial para os clientes russos, decorando as embalagens com uma família patinando.

3. Rosa russo

Um novo tom de batom, o “Russian Rose” (rosa russo), foi lançado por Giorgio Armani em 2017, e surgiu após a visita do designer a Moscou.

De acordo com o diretor de arte da Giorgio Armani Beauty, a cor “será o complemento perfeito para os frios invernos russos”.

4. De volta à escola

A marca de roupas e acessórios H&M lançou sua própria coleção de uniformes escolares russos em 2016. Meninos e meninas dos 3 aos 16 anos apareceram então vestidos com jaquetas azul marinho e camisas brancas.

Para promover a coleção entre os pequenos, filhos de celebridades russas foram envolvidos. Em 2017, H&M repetiu a dose no país.

5. Tênis para patriotas em geral

A fabricante alemã de roupas esportivas Reebok lançou um inovador tênis de corrida, o Nano 7.0, nas cores da bandeira russa.

Feito com um novo material que deve evitar qualquer irritação na pele, os tênis foram lançados em edição limitada, e agora só podem ser encontrados pela internet.

6. Tênis para moscovitas

Estes tênis esportivos foram feitos especialmente para os residentes da capital russa. Em setembro de 2017, a Adidas lançou uma versão exclusiva dos tênis Adizero Adios em vermelho, com a palavra "Moskva" na parte de trás. Foram produzidos apenas 250 pares do modelo.

7. Pneus finlandeses para estradas russas

A Nokian Tires produz pneus de inverno Nordman tachonados em sua fábrica na região de Leningrado. Desenvolvidos para os hostis invernos russos, os pneus foram testados na Sibéria e no Extremo Oriente. E o melhor: o preço acessível é apreciado pelos clientes russos.

8. Sedãs alemães

A Volkswagen é uma marca muito popular na Rússia, e em 2010 a empresa alemã decidiu produzir o primeiro carro especialmente para o país. O Polo Sedan é montado em uma fábrica em Kaluga (cerca de 160 quilômetros a sul de Moscou).

Os designers de automóveis levaram em conta os invernos severos da Rússia e as condições nada ideais das estradas locais. Como resultado, o Polo Sedan é bem vendido entre consumidores russos.

Recentemente, o mesmo modelo, batizado como “Vento”, foi colocado à venda na Índia e na Malásia. O tradicional Polo hatchback deixou de ser vendido na Rússia em 2014, e agora só pode ser encontrado em lojas de carros usados.

Outras empresas automobilísticas também lançaram modelos especiais para a Rússia. Em 2010, a Hyundai apresentou o Solaris, baseado no Hyundai Accent. Em 2017, a Renault desenvolveu o crossover Kaptur para o mercado russo. Foi a primeira vez em que especialistas russos participaram em todas as etapas de produção da empresa, desde o design até a fabricação.

Gostou? Então leia “Se produtos não vão à Rússia, linha de produção vai”.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies