App traz conto de Tchékhov animado em HQ (e não te deixa desculpa para dizer que ler é chato!)

Você achava difícil ler literatura russa? Felizmente, a obra do maior dramaturgo da Rússia ganhou um empurrãozinho digital para entrar na modernidade!

E se cada parágrafo de uma obra literária fosse animado? Deslize para a esquerda e uma nova imagem aparece em movimento...

Isso pode ser difícil de se fazer com obras russas como "Guerra e Paz", mas um conto curto de Antôn Tchékhov, "Ostras", já ganhou tratamento digital.

A startup brasileira StoryMax está liderando novas formas de leitura. Composta por um programador e dois artistas, ela é responsável pela criação de um aplicativo junto a uma editora, assessoria de imprensa, editores e tradutores. No total, foram cerca de 15 pessoas.

O app pode ser baixado gratuitamente no Google Play e na Appstore, e está disponível em português, espanhol e inglês.

Tchékhov e o combate a problemas globais

Tchékhov é o mestre do conto na Rússia, apesar de ser mais reconhecido internacionalmente como dramaturgo. Ostras também não é sua obra mais popular. Então, por que ela foi escolhida?

"A gente estava buscando um conto curto que falasse sobre fome, mas não fosse necessariamente triste e pesado", disse Samira Almeida, editora da StoryMax, ao Russia Beyond.

A empresa não está apenas tentando fazer as pessoas a lerem mais, mas também chamar a atenção para questões globais urgentes. Neste caso específico, é a fome mundial.

"De acordo com o Índice Global da Fome de 2015, quase 795 milhões de pessoas em todo o mundo, o equivalente a uma em cada nove pessoas, ainda passam fome", lê-se no aplicativo.

"O 'Ostras' faz parte de uma coleção distribuída gratuitamente em que cada título é escolhido por sua relação com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas (SDG) - há 17 grandes objetivos acordados entre os países para melhorar o mundo até 2020", disse Almeida.

Um dos objetivos do projeto é encorajar as pessoas a ajudar a encontrar maneiras de resolver os desafios humanitários que o planeta enfrenta.

Perdidamente apaixonados

O "Ostras" não é o primeiro livro digital da StoryMax. A empresa também repensou o conto curto de terror de Jules Verne "Frritt-Flacc" e criou um aplicativo sobre Frankenstein, personagem de Mary Shelley, intitulado "Frankie for Kids".

Os desenvolvedores já alcançaram mais de 100 mil leitores em 67 países. Os criadores da StoryMax não planejavam continuar trabalhando com literatura russa até receberem uma porção de mensagens de pessoas pedindo mais.

Agora, eles estão agora buscando colaboradores e tradutores que possam ajudá-los a fazer com que mais obras russas se tornem interativas.

E tem mais: os próprios funcionários da StoryMax admitem que se apaixonaram perdidamente por Tchékhov após se aprofundarem em seu trabalho!

 

Ainda não se sente motivado o suficiente? Então leia “7 motivos para largar tudo agora mesmo e ir correndo ler Tchékhov

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail? 
Clique 
aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies