‘Loveless’, de Zvyagintsev, é indicado da Rússia para disputar vaga no Oscar

Cena de 'Loveless'

Cena de 'Loveless'

Kinopoisk.ru
Longa anterior do diretor, ‘Leviatã’, concorreu ao prêmio em 2014.

O novo filme de Andrêi Zvyagintsev, “Loveless”, que levou o Prêmio do Júri no Festival de Cinema de Cannes de 2017, foi selecionado pela Rússia para disputar uma vaga entre os indicados da 90ª edição do Oscar, informou a Ria Nôvosti.

Muitos países europeus manifestarem interesse pelos direitos de exibição de “Loveless” antes mesmo do lançamento oficial do filme, que conta a história de um jovem casal à beira do divórcio.

Os dois decidem mandar o filho para um orfanato, mas, no dia seguinte, se esquecem da decisão. Enquanto estão ocupados com suas próprias vidas, o menino desaparece.

A sinopse lembra a de um filme de busca (do tipo “Garota Exemplar” ou “Rastros de Ódio”), mas diferente em um nível filosófico, diz o crítico de cinema Anton Dolin.

“Os personagens [de “Loveless”] não estão apenas procurando algo lá fora, mas dentro de si mesmo”. Dolin destaca ainda que o elenco e o diálogo “parecem naturais, mesmo durante as cenas eróticas”.

O filme anterior de Zvyagintsev, “Leviatã”, foi um dos concorrentes ao Oscar como Melhor Filme em Língua Estrangeira em 2014, e ganhou o Globo de Ouro de melhor filme estrangeiro e o prêmio de melhor roteiro no 67º Festival de Cannes.

“Loveless” ainda não tem lançamento previsto no Brasil.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Leia mais