Necrópole romana é descoberta na Crimeia

Instituto de Arqueologia da Academia Russa de Ciências
Esta é uma das mais importantes descobertas arqueológicas de lápides do período romano na península russa.

Uma necrópole romana com lápides antropomórficas e estelas com máscaras foi recentemente descoberta perto de Sevastopol, na península russa da Crimeia. A informação foi divulgada pela assessoria do Instituto de Arqueologia da Academia Russa de Ciências. 

“A descoberta foi feita durante um estudo no cemitério de Kil-Dere em meio a escavações arqueológicas”, lê-se o comunicado do Instituto à imprensa.

O antigo cemitério de Kil-Dere fica nas encostas de uma colina íngreme no vale de Inkerman. Durante a escavação de quatro tumbas na parte sul da necrópole, os arqueólogos se depararam com lápides de pedra intactas. Perto uma das sepulturas, ao lado da lápide, havia uma base de pedra com orifício oval para oferenda de comida/sacrífico.

“Durante outras escavações nas tumbas saqueadas, os arqueólogos descobriram 63 tipos diferentes de lápides: estelas antropomórficas, lápides com máscaras e estelas. Até o momento, esta é a coleção de lápides mais importante já descoberta durante as expedições arqueológicas”, continua nota do Instituto.

Do período romano na Crimeia, apenas 15 lápides deste tipo foram encontradas nas maiores e mais próximas necrópoles conhecidas.

LEIA TAMBÉM: 10 curiosidades sobre Kertch, a cidade mais antiga da Rússia

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies