Esqui arrastado por tanques: o treinamento extremo da infantaria russa (VÍDEO)

Kirill Kujmar/TASS
Brincadeira ou treinamento? Não perca essas imagens impressionantes dos militares russos nos Urais!

Em vídeo publicado pela agência Tass recentemente, militares russos sobem em esquis, agarram cordas preparadas pela tripulação de um veículo de combate de infantaria e são colocados na “pista”, deixada pelo veículo na neve. Os quatro militares vestidos de branco seguem o veículo de combate agarrados às cordas, dois de cada vez.

Segundo a Tass, os exercícios ajudam os soldados de infantaria a se mover rapidamente através da neve "profunda". Pode parecer que o exercício não ofereça dificuldades, mas, para dominar a técnica, são necessários muitos treinos. Além disso, normalmente os soldados realizam o exercício com coletes, que contêm armas e têm um peso adicional de cerca de 30 quilos.

Além disso, o terreno não é plano, como pode parecer à primeira vista, o solo possui depressões, e não é fácil manter o equilíbrio no esqui.

Para obter melhores resultados, os soldados percorrem distâncias entre 10 a 20 quilômetros várias vezes por mês.

A agência Tass afirma que essa técnica de deslocamento foi usada durante a Segunda Guerra Mundial. Em condições de neve profunda, os fuzileiros do Exército Vermelho se agarravam a cordas amarradas a tanques e se transportavam a outras locações dessa maneira.

Maria Aleksándrova é engenheira e colaboradora do Russia Beyond, e escreve sobre tecnologia e armas russas.

LEIA TAMBÉM: As 10 superarmas que o Exército russo emprega no Ártico

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies