10 locais listados como Patrimônio da Humanidade na Rússia

Getty Images
País tem 30 áreas na lista da ONU no total. Entre eles estão a mítica Praça Vermelha e o centro histórico de São Petersburgo.

1. O centro histórico de São Petersburgo e monumentos relacionados

O centro histórico de São Petersburgo é especial por muitos motivos. A maioria dos monumentos ali foram erguidos em um curto período de tempo durante o século 18, dando à cidade uma identidade cultural duradoura. Também é raro que a Unesco inclua uma área habitada do tamanho da antiga capital da Rússia em sua lista de Patrimônios Mundiais, como são chamados também os Patrimônios da Humanidade.

O que torna este local único: ele é um dos maiores sítios habitados da lista da Unesco.

2. Kiji Pogost

Este local data do século 17 e abriga a Igreja da Transfiguração (que tem 22 cúpulas) e a Igreja da Intercessão (que tem nove cúpulas), ambas construídas inteiramente com madeira. Outro fato de cair o queixo: as partes de pinho não têm um único prego para fixá-las!

O que torna este local único: sua arquitetura de madeira, única e em um estilo distintamente russo.

3. Praça Vermelha, em Moscou

Marco zero da capital russa, tanto histórica quanto arquitetonicamente, a praça abriga o Kremlin, o famoso shopping center GUM, a Catedral de São Basílio e o mausoléu de Lênin.

O que torna este local único: uma icônica catedral ortodoxa e um mausoléu que abriga os restos de um líder bolchevique ficam na mesmíssima praça que um shopping center de luxo... Simplesmente assim!

4. Velíki Nôvgorod e monumentos

A antiga Rus (Estado que precedeu a Rússia) nasceu na cidade de Nôvgorod, importante então como um entreposto comercial e o centro da República de Nôvgorod. Hoje, a cidade é um famoso destino turístico, que dá ao visitante a grande oportunidade de mergulhar na Rus medieval.

O que torna este local único:  esta é a única grande cidade da antiga Rus que não foi afetada pela invasão tártara. Ela é o assentamento medieval mais bem preservado de toda a Rússia.

5. Mosteiro Solovétski

O Mosteiro Solovétski é um dos melhores exemplos da arquitetura ortodoxa na Rússia: suas obras de carpintaria e alvenaria são primorosas. Ele foi brutalmente conquistado durante o cisma da Igreja Russa no século 17 e, mais tarde, no século 20, foi transformado em um campo de prisioneiros, onde morreram muitos fieis e vítimas de perseguição política. Hoje, o prédio voltou a funcionar como mosteiro e recebe visitantes de todo o mundo.

O que torna este local único: O mosteiro também é uma poderosa fortaleza (no século 17, o exército levou oito anos para tomá-lo de um grupo de velhos crentes). Hoje ele funciona como mosteiro novamente.

6. Monumentos de pedra branca de Vladímir e Súzdal

Existem oito estruturas antigas de pedra branca espalhadas ao redor das cidades de Vladímir e Súzdal, que foram importantes centros da Rus medieval. A Catedral da Dormição e a Ponte Dourada, em Vladímir, foram construídas antes da invasão tártara e, por isso, são muito especiais.

O que torna este local único: Os monumentos são tão antigos que ninguém sabe ao certo quem os criou. Os historiadores acreditam que eles provavelmente tenham sido projetados por europeus, encomendados por príncipes russos.

7. Lavra da Trindade de São Sérgio

A Lavra da Trindade, datada do século 14, é o maior e mais importante claustro monástico russo. No entanto, não é amplamente conhecido.

O que torna este local único:  a construção deste mosteiro fortificado se estendeu do século 15 ao século 18.

8. Igreja da Ascensão, em Kolômenskoe

Esta é a primeira igreja russa de pedra com telhado em forma de tenda. Está localizada em um lugar impressionante, com vista panorâmica para o sul de Moscou e é um dos maiores monumentos russos do século 16.

O que torna este local único: ele foi construído por um arquiteto italiano para celebrar o nascimento de Ivan, o Terrível (1529-1584).

9. Kremlin de Kazan

Este Kremlin (há muitos deles na Rússia e, em português, esta palavra se traduz por “fortificação”) foi encomendado por Ivan, o Terrível, no local de uma antiga fortaleza do Canato de Cazã destruída quando este temido tsar invadiu o local, em 1552. O Kremlin contém artefatos que datam do século 10.

O que torna este local único: acredita-se que o Kremlin de Cazã tenha sido construído por Postnik e Barma, os mesmos arquitetos que projetaram a Catedral de São Basílio, em Moscou.

10. Mosteiro Ferapôntov

Fundado no final do século 14, o Mosteiro Ferapôntov é o local para onde foram exilados os sacerdotes da Igreja Ortodoxa, especialmente o Patriarca Níkon. Os edifícios do mosteiro estão em ótimas condições e seu perímetro, pequeno e limpo, parece congelado no tempo, mostrando perfeitamente como eram os claustros russos séculos atrás.

O que torna este local único: a catedral do mosteiro abriga murais extraordinários de Dionísio, o pintor de ícones mais importante da Rússia (séculos 15 e 16).

LEIA TAMBÉM: Os 10 fenômenos naturais mais extraordinários da Rússia

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies