7 viagens de trem na Rússia que você precisa fazer pelo menos uma vez na vida

Legion Media
Ver as antigas cidades da Rus, mergulhar no famoso Lago Baikal e fazer um passeio em um trem histórico estão no roteiro!

Se você gosta de viagens confortáveis e tranquilas, não se negue o prazer de ver a verdadeira Rússia da janela de um trem. Os passeios de trem na Rússia podem levar de algumas horas a uma semana inteira – é você que escolhe!

1. Expresso do Inverno ao redor da região de Moscou

Catedral da Ressurreição, parte do Mosteiro Nova Jerusalém, Istra.

Há muitos lugares interessantes ao redor de Moscou: em Kolomna, por exemplo, é obrigatório experimentar a famosa pastilá de maçã. Em Istra, não deixe de visitar o Mosteiro Nova Jerusalém e, em Serguiev Possad, veja o museu de brinquedos. 

Você pode chegar até lá em trens muito confortáveis, seja sozinho ou em uma excursão. Os trens e rotas mudam toda temporada: até o final de fevereiro, você pode visitar feiras de Ano Novo no Expresso do Inverno, ou celebrar a Máslenitsa russa e se encher de panquecas na primavera. 

Em todas as temporadas, diversas vezes os passeios são gratuitos. Também é possível se inscrever no site do sistema ferroviário suburbano de Moscou e pedir um guia em inglês.

2. ‘Rússia Imperial’, de Moscou a Vladivostók

Que tal a lendária Ferrovia Transiberiana ligando Moscou e Vladivostók? Imagine só: você embarca no trem na segunda-feira, desembarca só na segunda seguinte e ainda está na Rússia! 

Um trem comum de passageiros circula diariamente, passando por Iekaterinburg, Novosibirsk, Tiumên, Krasnoiarsk, Irkutsk e muitas outras cidades com paradas curtas de 15 a 20 minutos cada. 

E é claro que você não precisa passar todo o tempo a bordo – é possível ir de trem por alguns dias e dar uma descida também.

A viagem a bordo do trem turístico “Rússia Imperial” dura duas semanas, mas inclui paradas de dia inteiro, excursões, refeições e até mesmo um cruzeiro em um iate particular em Vladivostók.

Há também um tour opcional para Pequim. Você consegue pensar em uma viagem melhor que esta?

3. ‘Expresso Circum-Baikal’

A Estrada de Ferro Circum-Baikal (em russo, “Krugobaikalskaia”) costumava fazer parte da Transiberiana, mas a construção da usina hidrelétrica de Irkutsk fez com que partes da pista acabassem inundadas, interrompendo sua rota. 

Hoje, a linha é usada tanto por trens de turismo vintage, como por trens regulares de passageiros. Esta é a melhor rota para ver a beleza do Lago Baikal. Ela começa na estação de Sliudianka (acessível a partir de Irkutsk) e vai até a estação de Porto Baikal, fazendo várias paradas ao longo do caminho, cada uma com duração de 15 a 40 minutos. 

A partir da última estação, pode-se pegar uma balsa para a aldeia Listvianka e, de lá, um ônibus de volta para Irkutsk. A viagem inteira leva aproximadamente 12 horas.

4. Trem retrô no norte de Moscou

Trem antigo da Russian Railways chega à estação ferroviária Ríjskaia.

Outra opção é subir em um trem vintage do início do século 20 que viaja pelo norte de Moscou. Ele parte da estação ferroviária Ríjskaia e vai para a plataforma Krasni Baltiets. A viagem em si dura apenas 15 minutos, após os quais há um tour por um antigo depósito de Moscou. Todo o percurso leva três horas.

5. Anel de Ouro

A igreja de madeira de São Nikolai, Suzdal.

O anel de ouro - a trilha turística mais famosa da Rússia - refere-se a um círculo de cidades e vilarejos antigos ao nordeste de Moscou que preservaram sua arquitetura medieval tradicional. As viagens turísticas ferroviárias duram de 2 a 3 dias e incluem várias paradas (Vladímir, Súzdal, Iaroslavl e outras), além de excursões.

6. Trens pelo litoral do Mar Negro

Se você adora o mar e as montanhas, então vá para Sôtchi, a anfitriã dos Jogos Olímpicos de Inverno de 2014 e um dos melhores balneários de verão da Rússia. Pelo litoral, há uma linha ferroviária que liga o Parque Olímpico à cidade de Tuapse. A viagem em um trem de passageiros como leva cerca de 2,5 horas (veja mais sobre horário e bilhetes aqui).

7. No interior da Rússia

A 360 km de Moscou, na região de Tver, fica a pequena ferrovia Zemtsi-Jarkovski. Ali, um mini-trem moderno de um vagão cobre a linha de 47 quilômetros em 3 horas e 20 minutos, motivo pelo qual os moradores locais o apelidaram de “o trem mais lento da Rússia”. 

Mas, à medida que o trem anda, é possível se deleitar com algumas vistas pitorescas de aldeias quase abandonadas e florestas profundas. A viagem é melhor no verão (veja os horários aqui).

LEIA TAMBÉM: Música ao vivo e fuga das “lebres”: 5 experiências que só os trens ‘elektritchka’ proporcionam

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies