Como entrar no Kremlin de Moscou

Natalya Nosova
A fortaleza fica bem no centro da capital, mas, como qualquer outra estrutura do tipo, pode ser de difícil acesso. Com estas dicas, porém, a visita é garantida.

Ao contrário da Praça Vermelha, o Kremlin é permanentemente vigiado, sendo necessários comprar ingressos para entrar. A cidadela é basicamente uma coleção de tesouros arquitetônicos e museus, bem como a residência oficial do presidente.

Veja abaixo algumas das perguntas mais frequentes sobre a visita ao Kremlin.

O que exatamente posso ver dentro do Kremlin?

Como um complexo de museus, o Kremlin inclui o Arsenal do Kremlin (Câmara de Arsenal), o antigo arsenal real construído no século 19, três catedrais, duas igrejas e o Campanário de Ivan, o Grande (o edifício mais alto do Kremlin, com vistas panorâmicas). Tudo isso é cercado pelas icônicas paredes vermelhas e 20 torres.

As muralhas do Kremlin de Moscou foram construídas ainda no século 14, embora a maioria das catedrais e palácios tenha surgido mais ou menos um século depois. O Arsenal contém um acervo único de objetos imperiais, incluindo coroas de tsares.

Quando posso visitar o Kremlin?

Depende da época do ano. De 15 de maio a 30 de setembro, os museus do Kremlin ficam abertos das 9h30 às 18h e, de 1º de outubro a 14 de maio, das 10h às 17h.

O edifício fica fechado às quintas-feiras. Tenha em mente que as bilheterias perto do Kremlin fecham uma hora antes, por isso, não se atrase.

Quanto custa a visita?

Depende do que quiser ver, pois há vários tipos de ingresso:

1) Para visitar o conjunto arquitetônico da Praça da Catedral (centro do Kremlin), que inclui a maioria dos palácios e igrejas, o ingresso sai por 500 rublos (R$ 30).

2) Para visitar o Arsenal do Kremlin, é preciso desembolsar 700 rublos (R$ 40).

Para mais informações, visite Kreml.ru (também disponível em inglês).

Atenção: os ingressos padrão não incluem a visita ao chamado Fundo dos Diamantes controlado pelo GoKhran – para visitá-lo, é preciso fazer uma visita separada.

E como chego às bilheteiras?

Há apenas um lugar onde você pode comprar ingressos para o Kremlin no local: as bilheterias oficiais sob o muro do Kremlin. As estações de metrô mais próximas são Borovitskaya (linha cinza), Alexandrovsky Sad (linha azul claro), Arbatskaya (linha azul) e Biblioteka Imeni Lenina (linha vermelha).

Use a saída para Jardim de Aleksandr (Alexandrovsky Sad) e caminhe em direção à torre Kutafia; ao lado dela, você encontrará as bilheterias.

Não quer esperar na fila? Compre on-line

Os ingressos on-line estão disponíveis no site oficial dos Museus do Kremlin de Moscou. Depois de pagar, você receberá um cupom eletrônico em seu e-mail. Os ingressos são disponibilizados com até 17 dias de antecedência.

Devo imprimir o voucher/comprovante?

Melhor, pois é preciso apresentar o voucher nas bilheterias 6, 7 e 8. No entanto, se você efetuou o pagamento, mas não recebeu o voucher, seu pedido ainda é válido. Basta informar à pessoa na bilheteria o número do pedido e apresentar a identidade.

Você sabia que o Kremlin de Moscou não é o único da Rússia? Conheça vários outros que também valem uma visita.

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail? 
Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies