Páskha de Chocolate, a Colomba Pascal russa (RECEITA)

Victoria Drey
Todos os anos, este prato ortodoxo ocupa um lugar especial na mesa da Páscoa russa!

A páskha é um dos pratos mais tradicionais da Páscoa russa ​​para celebrar a data: ela tem um formato de pirâmide que simboliza a tumba de Cristo.

Páskha também é a palavra russa que significa Páscoa. Já o prato é feito de manteiga, tvôrog (ricota) e creme de leite fresco. Se você quiser fazer páskha mas não tiver nenhum ricota à mão, tente substituí-la por uma mistura de cream cheese com queijo cottage. Aliás, todos esses ingredientes são estritamente proibidos durante a Quaresma, que precede a Páscoa Ortodoxa.

Quanto ao sabor e consistência, ele tem alguma coisa de cheesecake, mas as duas coisas estão longe de ser idênticas: a páskha não tem massa crocante e tem consistência mais de tvôrog do que de cream cheese. Além disso, ela é levada à geladeira, e não ao forno.

Na minha família, sempre levamos a sério a culinária da Páscoa: minha mãe assa dezenas de kulítchi e, claro, a páskha, que é sem dúvida o nosso prato favorito da Páscoa. Seguindo a tradição ortodoxa, pode-se cozinhar os pratos pascoais, como páskha, kulítch e ovos, não apenas no dia da Páscoa em si, mas também durante a primeira semana inteira da Páscoa.

Durante esse período, minha mãe costuma fazer pelo menos três páskhas para que a família e os amigos desfrutem. Ela sempre faz diferentes tipos do prato: a páskha simples com baunilha; outra com passas, nozes picadas e frutas secas; e uma terceira de chocolate, que sempre acaba sendo a mais deliciosa de todos.

Além de tudo, a receita da última é fácil: só é preciso misturar todos os ingredientes, passar a mistura para a forma e esperar o tempo necessário com  a páskha na geladeira.

Ingredientes:

500 g de tvôrog (ricota com pelo menos 9% de gordura)

150 g de manteiga sem sal;

70 g de creme de leite azedo (smetana) ou creme de leite fresco (com pelo menos 20% de gordura);

130 g de leite condensado;

50 g a 70 g de açúcar;

2 colheres de sopa de cacau em pó;

1 colher de chá de extrato de baunilha;

¼ colher de chá de sal.

Modo de preparo:

1. O segredo para uma páskha deliciosa é ter o tvôrog certo. Ele deve ser seco e macio, e não granulado e muito líquido. Caso você sinta que sua ricota não é macia o suficiente, pode tentar este truque: passe a ricota por uma peneira, de preferência duas vezes, para obter uma consistência suave.

2. O tvôrog que uso é macio, por isso pulo esta etapa e começo misturando os ingredientes. Em uma tigela grande, coloque a manteiga derretida, açúcar, sal, baunilha, cacau em pó peneirado e creme de leite fresco ou creme azedo. Bata na batedeira por alguns minutos até que a mistura fique lisa e aerada.

3. Em seguida, adicione o tvôrog e mexa suavemente, mas sem parar, com uma espátula.

4. Adicione o leite condensado e bata novamente na batedeira em velocidade baixa até ficar bem homogêneo. Você pode substituir o leite condensado por açúcar puro, mas eu amo páskha com leite condensado, que a torna mais cremosa. A mistura deve ficar bastante lisa e pastosa.

5. Este é o passo mais importante: encha o forma com a pasta de tvôrog. Se você achar uma forma especial para páskha, ótimo. Se não, use qualquer forma semelhante a uma pirâmide ou use um filtro de café. Alinhe-o com duas camadas de pano de prato ou gaze umedecida - eu sempre compro na farmácia. Despeje cuidadosamente a mistura de tvôrog dentro do filtro e dobre as pontas da gaze por cima.

6. Coloque uma tigela sob a forma para que as gotas de soro lácteo escorram ali. Em seguida, coloque a tampa por cima e faça peso sobre a páskha com algo pesado - eu costumo usar um queijo. Em seguida, coloque sua “escultura” cuidadosamente na geladeira e deixe a páskha escorrer pelo menos por uma noite.

7. Não tenha pressa. Se a sua páskha não drenar direito, é mais provável que ela desmorone quando você tirar da forma. Após cerca de 15 horas, você notará um pouco de soro na tigela sob a forma - isso significa que você estava fazendo tudo direitinho.

8. Retire o peso, puxe a gaze e coloque a forma de ponta-cabeça com cuidado em uma travessa; depois retire a páskha e a gaze.

  1. Para decorar, use nozes, frutas secas, granulado... o que quiser! Uma páskha gostosa de verdade é fácil de cortar em fatias finas. Priátnogo appetíta e feliz Páscoa!

LEIA TAMBÉM; Como é celebrada a Páscoa na Rússia

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies