Exposição apresenta panorama da Moscou soviética dos anos 1950-70; veja fotos

Boris Kossarev/Arquivo de Maria Kossareva
A construção de novos bairros, o dia a dia dos moscovitas, a vida na cidade grande e outros eventos de meados do século 20 retratados pelo cronista fotográfico da agência de notícias Tass, Boris Kossarev.

O fotógrafo Boris Kossarev (1911-1989) ficou internacionalmente famoso após as lendárias fotos tiradas na Conferência de Ialta em 1945. Suas lentes capturaram as principais figuras políticas desse encontro crucial na Segunda Guerra Mundial: Churchill, Roosevelt e Stálin.

Kossarev conseguiu refletir um momento informal de Churchill e até captou seu olhar.

No entanto, durante a maior parte de sua carreira, Kossarev tirou fotos de Moscou. Por encomenda da agência de notícias Tass e também por vontade própria, o fotógrafo produzia anualmente uma crônica da vida na capital. Agora, mais de 600 de suas fotos estão sendo disponibilizadas em formato digital. Confira abaixo uma pequena amostra deste acervo:

Manhã de inverno na Praça Vermelha, anos 1950

Praça Manejnaia após tempestade, 1956

Rua Malaia Lubianka após chuva forte, década de 1950

Pioneiros marchando, 1950

Muralha do Kremlin, 1957

Estádio do Dínamo depois de partida de futebol, anos 1960

Amigos caminhando pela margem Sofiskaia, anos 1960

Amigas passeando no Jardim Neskutchni, 1960

Novos bairros em construção no sudoeste da cidade, década de 1960

“Xarope duplo, por favor!” Comprando refrescos ao longo da Colina Leninski (atual Vorobievi, ou das Andorinhas), 1960

Crianças andando de trenó perto do monumento ao poeta ucraniano Taras Chevtchenko na Kutuzovski Prospekt, anos 1960

Um dia congelante, 1960

Falando em cabine telefônica, anos 1960

Moscou em construção, década de 1960

Dirigindo no Sadovoie Koltso (Anel do Jardim), década de 1970

Correspondente estrangeiro filmando em Moscou, década de 1970

Escalada por um copo de água, 1970

Aeroporto Sheremetievo, Terminal B, década de 1970

Pioneiros no Desfile de Cultura Física na Praça Vermelha, em 1º de maio de 1976

A exposição ‘Coleção de Moscou de Boris Kossarev’ está em cartaz no Gilyarovsky Center, em Moscou, até 21 de novembro de 2021.

LEIA TAMBÉM: Por que os bolcheviques jamais renomearam Moscou

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies