20 fotos que provam que a URSS era o império dos esportes

O povo soviético tinha que ter saúde e estar em forma, porque era a maneira de viver uma vida longa – trabalhar duro nas fábricas e construir o futuro comunista utópico.

O novo Estado soviético estabeleceu o esporte e a educação física como um dos pilares de sua ideologia. “Um espírito saudável requer um corpo saudável”, costumava dizer o oficial soviético Kliment Vorochilov. As aulas de educação física eram obrigatórias em todas as escolas e universidades. Os alunos tinham que passar por provar especiais para provar que estavam “aptos para o trabalho e a defesa”.

Era no jardim de infância onde as crianças soviéticas aprendiam a praticar esportes com regularidade. Professores e médicos fazendo ginástica com crianças, 1965.

Não importa o quão cedo acorde, nunca se esqueça de seus exercícios matinais. Era isso que o Estado soviético propagava ativamente, especialmente por meio de pôsteres. Exercícios matinais como parte do programa em todos os acampamentos infantis e locais de férias, bem como no Exército, 1936.

Exercícios matinais dos cadetes do Kremlin, 1926-27.

Alunos praticando exercícios matinais no telhado do alojamento, 1932.

Nas fábricas também começava-se o dia com exercícios. Operários de indústrias têxteis se aquecendo para iniciar o dia, 1960.

O esqui era um dos esportes de inverno obrigatórios nas escolas e se tornou um esporte nacional. Esquiadores de todas as idades participando de uma corrida de esqui em massa, 1927.

Crianças em aula de esqui, 1946.

A patinação no gelo era outra grande paixão do povo soviético. Dois casais fazendo uma coreografia, 1947.

As crianças precisavam desenvolver um espírito competitivo, então havia muitos torneios interescolares com diferentes esportes: desde modalidades em grupo, como futebol e basquete, até corrida, ginástica, natação e esportes de inverno. Três alunos se preparando para uma competição de natação, 1946.

Natação e mergulho eram bastante populares. Mergulhador, 1934.

Dentro do programa de educação física, as crianças tinham que escalar na corda, mas nem todas gostavam desse tipo de exercício. Duas garotas escalando, 1973.

O Estado soviético enfatizava a importância da ginástica artística. As aulas de esportes incluíam exercícios em barras paralelas, cavalo e barras horizontais. Nessa época, a escola de treinamento para ginastas profissionais já era muito poderosa. Grupo de jovens ginastas durante programa de treinamento diário, 1964.

Exercícios com barra eram especialmente comuns no Exército soviético e entre os homens. Barras para exercícios foram instaladas em diversos pátios. Homem fazendo exercício com barra, 1935.

Também era comum fazer composições complicadas de forma rápida e em sincronia como parte de apresentações escolares. Grupo de pioneiros se apresentando, 1932.

A variedade de estúdios de ginástica era um ótimo lugar para fotógrafos da vanguarda soviética. Pôster com ginastas masculinos, 1926.

Preparar, apontar, fogo! Corrida de 100 metros, na década de 30.

Todos os anos, a Praça Vermelha recebida grandes desfiles de educação física. Atletas marchavam com bandeiras e estandartes pela praça em frente aos líderes soviéticos que assistiram ao show do mausoléu de Lênin.Atletas acenando com bandeira, 1936.

Os desfiles de educação física também eram conhecidos pelas intrincadas figuras que os participantes faziam com seus próprios corpos. Dava muito trabalho montar o espetáculo, pois tudo tinha que sair perfeito. Atuação de um grupo de ginastas, 1936.

Esses desfiles foram espetaculares. Atletas femininas em ação, 1936.

A propósito, este é um dos exercícios estáticos mais populares; na União Soviética era chamado de “beriozka”, como uma bétula. Ginastas em treinamento, 1936.

VEJA TAMBÉM: 9 pôsteres soviéticos que ensinam a lavar as mãos e são mais atuais que nunca agora!

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies