Mausoléu de Lênin teve mais de 100 projetos descartados em 1925

Arquivo; Agência Moskva; Domínio público
Após a morte do líder da Revolução Russa, o governo anunciou um concurso nacional para selecionar o melhor projeto para o mausoléu na Praça Vermelha. O Russia Beyond destaca algumas dessas ideias ambiciosas de 1925.

1. No final de 1923, em uma reunião do Politburo (governo soviético), começou-se a aventar a possibilidade de embalsamamento do líder revolucionário Vladímir Lênin, cuja saúde vinha se deteriorando a cada dia. Quando Lênin morreu, em janeiro de 1924, o primeiro mausoléu – de madeira – já havia sido erguido na Praça Vermelha.

Primeiro mausoléu

2. O projeto do mausoléu temporário, criado arquiteto soviético Aleksêi Schusev; pressupunha uma pirâmide sobre uma base quadrada. Na primavera de 1924, duas arquibancadas foram adicionadas à construção.

3. Em 1925, porém, foi anunciado um concurso nacional entre arquitetos para selecionar o melhor projeto de mausoléu para Lênin.

Projeto de Fiódor Chetchtel

4. Entre os arquitetos dos 117 projetos apresentados estavam Fiódor Chetchtel, responsável pela estação ferroviária Yaroslavsky, em Moscou, e Lev Rudnev, autor do edifício principal da Universidade Estatal de Moscou, entre muitos outros.

V.M.Parodin-Nardson.

5. De acordo com as regras do concurso, o projeto deveria incluir um salão interno com o corpo de Lênin e outro subterrâneo para um museu; nas paredes, deveria haver decoração baseada em temas revolucionários e na vida de Vladímir Lênin. O mausoléu também deveria ornar com as muralhas do Kremlin e a Praça Vermelha.

V.V.Tarasov.

6. A ideia era que o mausoléu fosse uma “visão impressionante” e “o centro de atração de todos os olhares”.

N.Ryabov.

7. No total, a comissão reduziu a lista aos 25 projetos mais interessantes.

Projeto colorido de Riabov

8. Os responsáveis pelo concurso rejeitaram projetos “tecnicamente impossíveis” e “fantasiosos”, bem como propostas de mudança de local da futura construção.

Esq.: F.Ya.Veber.

9. Nem todos os participantes eram arquitetos profissionais, e algumas pessoas enviaram seus desenhos em papel de embrulho e cadernos escolares.

Esq.: V. Gavrilin.

10. Os participantes sugeriram construir o mausoléu na forma de um pentagrama (estrela de cinco pontas) e do globo, como o símbolo da solidariedade revolucionária de todos os continentes unidos pelas ideias da comunhão humana sob o comunismo.

S. Fienov.

11. Todos os projetos incluíam tribuna para discursos públicos da liderança soviética, relembrando os tempos em que o próprio Lênin fazia pronunciamentos acalorados.

P.N.Baranov; S.Maklashov and P.Korolev. Mausoléus em forma de estrela

12. No fim das contas, a comissão decidiu adotar a versão de Aleksêi Schusev, que havia sido proposta antes mesmo do concurso.

Esq.: Torre de M.Rostovsky. Dir.: P. Belozersky.

LEIA TAMBÉM: 3 múmias russas famosas (que vão muito além de Lênin!)

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies