Rússia publica documentos secretos de pacto pré-Segunda Guerra quebrado pela Alemanha nazista

Ministério da Defesa da Rússia
O Ministério da Defesa russo divulgou arquivos inéditos que esclarecem como o Tratado de Não Agressão entre a Alemanha e a URSS foi assinado em 1939.

O Ministério da Defesa da Rússia criou em seu site uma seção multimídia dedicada ao Pacto Mólotov–Ribbentrop, assinado entre a URSS e a Alemanha nazista. Os documentos, publicados pela primeira vez, lançam luz sobre detalhes desconhecidos da política mundial antes da Segunda Guerra Mundial, segundo a agência TASS.

Os arquivos trazem detalhes desconhecidos da política mundial antes da Segunda Guerra Mundial e contêm informações sobre a preparação do Tratado, a descrição da situação na Europa e as razões para a intervenção militar soviética na Polônia.

De acordo com o conteúdo revelado, o governo soviético temia uma aliança militar entre a Polônia e a Alemanha.

“Na avaliação dos especialistas militares soviéticos, naquele período, a principal ameaça para a URSS era não a aliança militar entre a Alemanha e a Itália, mas a aliança da Alemanha com a Polônia”, lê-se no comunicado da pasta da Defesa russa. “Os documentos mostram que, às vésperas da guerra, forças unidas da Alemanha e da Polônia possuíam 160 divisões de infantaria, mais de 7.000 tanques e 4.500 aviões.”

LEIA TAMBÉM: Por que a URSS assinou um pacto com Hitler?

O Pacto Mólotov–Ribbentrop, também conhecido como Pacto Nazi–Soviético foi assinado em assinado em Moscou, em 23 de agosto de 1939, pelos ministros dos Negócios Estrangeiros alemão Joachim von Ribbentrop e russo Viatcheslav Mólotov.

Devido ao teor e a complacência com o inimigo, é considerado até hoje uma das páginas mais vergonhosas da história russa no período pré-guerra.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies