Brasil comprará 39 milhões de doses da vacina russa Sputnik

Reuters
Declaração foi dada pelo governador do Piauí, Wellington Dias (PT), mas outros governadores e prefeitos também deram sinais de que acordo sairá em breve.

O governador do Piauí, Wellington Dias (PT) declarou na última quinta-feira (11) que o Ministério da Saúde acertou a compra de 39 milhões da vacina Sputnik. A aquisição será feita seguindo um acordo dos governadores da região nordeste e, segundo Dias, será assinada pelo ministro da Saúde Eduardo Pazuello, nesta sexta-feira (12).

As doses, de acordo com o governador do Piauí, serão transmitidas ao governo federal para o plano nacional de imunização entre março e julho. No mesmo dia, o prefeito de Maricá, no Rio de Janeiro, Fabiano Horta (PT), também afirmou ter determinado a "compra imediata" de 400 mil doses da Sputnik V.

"Com a sanção de lei federal permitindo a compra de vacinas pelos municípios, determinei aos órgãos municipais que tomem as providências necessárias para a compra imediata de 400 mil doses da Sputnik V. Assim, vacinaremos toda a população de Maricá", escreveu ele no Twitter.

Já Rui Costa, governador da Bahia, também declarou ter esperanças de que o contrato para a compra da Sputnik seja assinado nesta sexta-feira (12), de acordo com a agência de notícias russa Tass, baseada em declarações da CNN.

 

LEIA TAMBÉM: É verdade que os estrangeiros ganham até sorvete para se vacinar na Rússia?

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies