Rússia lança campanha global #SputnikV para informar sobre vacina nas redes sociais

Reuters
Além de focar no progresso dos ensaios clínicos e produção, proposta é informar sobre a imunização em massa em diferentes países.

O Fundo de Investimentos Diretos Russo (FIDR) e o Centro Nacional de Pesquisas em Microbiologia e Epidemiologia Gamaleya, lançaram uma campanha nas redes sociais para oferecer informação atualizada e aumentar o conhecimento sobre a vacina russa contra a covid-19, Sputnik V.

Durante a campanha, que usará a hashtag #SputnikV, os cientistas do Centro Gamaleya darão mais detalhes sobre o desenvolvimento da vacina, e os voluntários que receberam o imunizante podem compartilhar suas experiências pessoais.

As páginas com #SputnikV nas redes sociais se tornarão, assim, a plataforma principal para divulgação de noticias sobre a vacina, atualizações sobre o número de pessoas já imunizadas e a futura produção da Sputnik V.

A ideia é também promover eventos ao vivo e divulgar os comentários de especialistas.

A Sputnik V foi a primeira vacina contra o novo coronavírus registrada no mundo. O ensaio clínico pós-registro, que já está sendo realizado na Rússia, envolve 40 mil voluntários. Além do Brasil, países como Emirados Árabes Unidos, Índia, Venezuela e Bielorrússia também irão testar a eficácia do imunizante.

Acompanhe as últimas informações da vacina russa pela hashtag #SputnikV nas seguintes redes sociais: Twitter, Facebook, Instagram e YouTube.

LEIA TAMBÉM: Argentina receberá vacina russa Sputnik V, segundo Fernández

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies