Medicamento russo contra covid-19 será gratuito na Venezuela

Pedro Rances Mattey/Global Look Press
No último domingo (18 de outubro), Nicolás Maduro anunciou que país recebeu milhares de doses do medicamento russo Avifavir.

No último domingo (18 de outubro), Nicolás Maduro anunciou que país recebeu “milhares de doses” do medicamento russo Avifavir, feito a partir do antiviral favipiravir, segundo reportou a agência de notícias russa Tass.

"Milhares de doses da forte droga antiviral 'favipiravir' chegaram da Rússia para salvar vidas", disse o presidente venezuelano. Maduro observou que o medicamento é especialmente eficaz no tratamento de pacientes com coronavírus em condições graves e será gratuito para os cidadãos da Venezuela.

Além do medicamento, no início de outubro, a Rússia também enviou ao país o primeiro lote da vacina Sputnik V, contra o coronavírus. Caracas confirmou que a Venezuela participará da terceira fase de testes clínicos da vacina e pretende lançar sua produção no território do país.

LEIA TAMBÉM: Vacina Sputnik V deve chegar à América Latina em dezembro

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies