Peixe monstruoso com mais de dois metros é encontrado nos mares da Rússia; veja fotos

Allen Shimada, NOAA NMFS OST / Domínio público
Descoberta foi feita no Extremo Oriente.

A equipe da Reserva Komandaroski encontrou uma espécie marinha com a boca enorme cheia de dentes longos e afiados na costa da ilha de Bering. Mais conhecido como lírio-ferro (Alepisaurus ferox), o peixe tinha 2,15 m de comprimento.

A espécie foi descrita pela primeira vez em 1741 por membros da expedição de Georg Steller a Kamtchatka. O Alepisaurus ferox recebeu essa denominação em 1811, quando a espécie foi estudada pelo famoso explorador da fauna dos mares do Extremo Oriente, Piotr Palace. 

O peixe encontrado tem 215 cm de tamanho, pesa até 9 kg, tem dentes de 3 cm de comprimento e uma barbatana dorsal alta.

Tem corpo esbelto e achatado e a cabeça estreita e alongada. Como muitos predadores marinhos, o lírio-ferro se move perpendicularmente à presa.

No verão pode ser encontrado nas águas do Extremo Oriente da Rússia, embora seu habitat marítimo seja encontrado em climas tropicais e subtropicais, como Portugal.

Sabe-se que o Alepisaurus ferox devora peixes de sua espécie, é hermafrodita e geralmente pode ser encontrada a uma profundidade de 1.000 metros.

Nas águas do Extremo Oriente da Rússia, segundo os cientistas, existem cerca de meio milhão de exemplares da espécie.

LEIA TAMBÉM: Sibéria teve calor e 'unicórnios'

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies