Moscou ganha matriochka mexicana gigante representando cão sagrado asteca

XICO
Escultura que une tradições culturais mexicanas e russas foi inaugurado na última segunda-feira (18) no Jardim Hermitage.

O que têm em comum o Xoloitzcuintle (ou Xico), o mitológico cachorro asteca que guiava seus donos para o submundo, e a boneca russa matriochka?

Crianças e adultos que participaram, na última segunda-feira (18), da inauguração da escultura Xico Matriochka, no Jardim Hermitage, no centro de Moscou, puderam acompanhar as histórias e lendas tradicionais de ambos os países e aprender mais sobre as tradições culturais do México e da Rússia.

O monumento de 2 metros foi criado pela artista mexicana Cristina Pineda em colaboração com a fabricante de matriochkas russa Viatka no âmbito do projeto internacional “Travesías de XICO”. A principal missão da boneca russo-mexicana instalada no centro de Moscou é refletir as tradições culturais de ambos os países, destacam os organizadores.

De acordo com informações divulgadas pela Embaixada do México na Rússia, o projeto engloba também dois concursos infantis – em um deles, as crianças devem produzir um desenho nos moldes de Xico baseado em lendas e contos russos, e, no outro, criar uma escultura de Xoloitzcuintle de 17 cm usando técnicas tradicionais russas.

Você sabe quando e como as matriochkas surgiram? Tem-se a impressão de que ela existe na Rússia desde tempos imemoriais, mas a história da boneca, assim como ela mesma, abriga várias surpresas. Leia mais aqui.

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail? 
Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies