Siberianos que escavavam túnel de petróleo há 2 anos são detidos a 3 metros do alvo

Getty Images
Grupo de locais queria roubar commodity e cavou 125 metros usando apenas pás.

Cinco moradores da cidade siberiana de Angarsk foram presos por suspeita de tentar roubar petróleo, informou a polícia da região de Irkutsk na segunda-feira (5).

Segundo os oficiais, os homens passaram dois anos cavando 125 metros de túnel usando pás e foram pegos a apenas três metros do alvo. Durante uma busca, a polícia encontrou dutos de metal, bombas e outros equipamentos para extração de petróleo.

O chefe do grupo clandestino de escavação está sob prisão domiciliar e pode pegar até seis anos em regime fechado.

Recentemente, o Serviço de Segurança Federal da Rússia (FSB) descobriu uma nova prática criminosa na qual gerentes de postos de gasolina roubam combustível de clientes usando um vírus de computador. Leia mais sobre esse caso.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies