Nicarágua pede empréstimo de 16,8 milhões de euros à Rússia para a compra de ônibus russos

GAZ Auto
O Parlamento da Nicarágua aprovou um empréstimo do Roseximbank para a compra de ônibus fabricados na Rússia. A expectativa é que os novos veículos melhorem a qualidade do transporte na capital do país latino-americano.

A Assembleia Nacional  (Parlamento) da Nicarágua aprovou na semana passada um empréstimo de 16,8 milhões de euros do Roseximbank, que faz parte do grupo REC (Centro de Exportação da Rússia), ​​para comprar ônibus russos.

O governo local enviou ao Parlamento da Nicarágua um pedido urgente de aprovação do empréstimo. Dos 91 deputados que compõem o Legislativo do país, 88 votaram a favor da medida.

O empréstimo será usado para melhorar o sistema de transporte público na capital da república, Manágua. A compra dos ônibus, cujo número exacto não foi especificado, deverá melhorar significativamente a qualidade do transporte de passageiros na cidade.

Em março deste ano, Moscou decidiu doar 250 ônibus do Grupo GAZ para a Nicarágua, com a condição de que outros 300 desses veículos fossem posteriormente comprados. 

Não é o primeiro caso desse tipo de cooperação: ônibus russos fornecidos ao país latino-americano de 2009 a 2011 ajudaram a resolver o colapso do transporte na capital.

LEIA TAMBÉM: Como funciona o transporte público na Rússia quando está -50°C lá fora?

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies