Petrobrás vende duas fábricas de fertilizantes para a russa Acron

Reuters

A maior produtora brasileira de fertilizantes nitrogenados, Petrobrás Ansa, concluiu as negociações para a venda de duas instalações no Brasil ao Grupo Acron, da Rússia. Ainda faltam ser finalizados detalhes do acordo. As informações são da agência APK Inform.

O acordo faz parte do programa da Petrobrás de vendas de ativos não essenciais e de saída do mercado de produção de fertilizantes.

As negociações sobre a venda da Ansa, subsidiária da Petrobrás, começaram em maio de 2018. A capacidade diária da Ansa é de 1,3 mil toneladas de amônia e 1,975 mil toneladas de ureia.

Além disso, o Grupo Acron se tornou proprietário da Nitrogen Fertilizer Unit III, que está atualmente em construção. A fábrica terá uma capacidade de 2.200 toneladas de amônia e 3.600 toneladas de ureia por dia.

LEIA TAMBÉM: Embaixador brasileiro desce à mina para conhecer as tecnologias russas de mineração de fertilizantes

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies