Diamante russo gigante irá a venda

ALROSA
A pedra atrai muitos curiosos, mas a oferta só interessará a quem tiver alguns milhões de dólares para gastar.

Um diamante rosa bruto de 27.85 quilates encontrado na República da Iacútia pela gigante da mineração Alrosa no ano passado poderá ser comprado em breve. A empresa planeja fazer o polimento e lapidação da pedra, o que pode torná-la ainda mais valiosa.

Em seu estado bruto, o diamante foi avaliado em US$ 14 milhões (R$ 54 milhões), por isso já é esperado que o preço final fique estratosférico. Isso pode alçá-la ao posto de pedra mais valiosa da história da Alrosa.

Com dimensões de 22,47 x 15,69 x 10,9 milímetros, a pedra não tem quase nenhuma imperfeição e bate completamente o recorde anterior da companhia, um diamante rosa de 3.86 quilates encontrado em 2012.

Além dessa, a Alrosa só encontrou outras três pedras similares, de mais de 2 quilates, nos últimos oito anos. Suas operações descobrem diamantes coloridos que pesam mais de 10 quilates uma vez ao ano.

 

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail? 
Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies