Festival Internacional de Artes de Tiradentes terá programação virtual com russos

Divulgação
Violista Mikhail Bugaev e críticos de cinema Andrêi Plakhov e Anton Dolin estarão entre as estrelas da nona edição do festival, que ocorrerá on-line entre 26 de novembro de 6 de dezembro de 2020 e trará ainda ciclo de cinema.

A 9ª edição do Festival Internacional de Artes de Tiradentes “Artes Vertentes” será realizada de 26 de novembro a 6 de dezembro de 2020 com uma programação refinada de música, literatura, cinema, artes visuais e artes cênicas.

“Respeitaremos rigorosamente as medidas de distanciamento no combate à circulação da Covid-19. Julgamos, no entanto, essencial mantermos o elo com o município de Tiradentes mesmo neste momento virtual, pois foi neste território físico que o festival realizou as oito edições anteriores e se consolidou como um festival interartes reconhecido em todo o país. Estamos convictos de que podemos continuar estimulando diálogos e manter a arte e a cultura vivas sem gerar aglomerações”, afirma Maria Vragova, diretora executiva do festival

Assim, parte da programação acontecerá em Tiradentes e será transmitida ao vivo através do site e do canal no YouTube do Festival Artes Vertentes. Toda a programação será gratuita.

Água como mote

O violista russo Mikhail Bugaiev, da Orquestra Filarmônica de Minas Gerais, participará do evento.

A água é o mote curatorial que alinha a programação da 9ª edição do Artes Vertentes. “[Ela] é um limite que marca a divisão entre ‘nós’ e ‘eles’; um obstáculo para aqueles que procuram abrigo de guerras e ditadores; um arquivo do antropoceno; um espelho das mudanças climáticas; um recurso comum pelo qual podemos matar. É um privilégio e um direito. É um desafio do qual depende a nossa vida”, explica o curador do Festival, Gustavo Carvalho.

O crítico Andrêi Plakhov, que particpará do ciclo de cinema.

O repertório será, portanto, constituído por obras inspiradas em estreito diálogo com a água, ou por obras de compositores cuja escrita nos remete a esta substância por meio das suas sonoridades. A programação musical em Tiradentes é composta por 11 concertos de música clássica, transmitidos ao vivo, às 20h, da Igreja Nossa Senhora das Mercês pelo site e canal no YouTube do festival.

O crítico  russo Anton Dolin, que participará do ciclo de cinema do festival.

Além dos músicos, a programação russa também trará pela primeira vez ao Brasil o filme “A despedida”, dos renomados cineastas russos Larissa Shepitko e Elém Klimov. O filme mostra como a população de uma aldeia russa precisa deixá-la devido à construção de uma usina hidrelétrica. O ciclo de cinema contará também com debates com diretores, atores e críticos de cinema brasileiros e estrangeiros.

Cena do filme russo

“O festival promove um diálogo de altíssimo nível entre a cultura russa e a brasileira, trazendo para o país personalidades culturais russas das mais diversas áreas, fugindo do óbvio e divulgando por aqui as vertentes mais inovadoras e criativas das artes na Rússia”, disse ao Russia Beyond Irineu Franco Perpétuo, crítico musical que comentará os concertos em tempo real durante o Festival Artes Vertentes.

Animação de Petrov

Para mais informações sobre a programação, acesse a página do festival clicando aqui.

LEIA TAMBÉM: Quem é Borgov, da nova série da Netflix ‘O Gambito da Rainha’?

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies