Russa de 16 anos é a mais jovem artista a ilustrar uma capa da Vogue americana

Foto da página da Vogue no Twitter

Foto da página da Vogue no Twitter

Russia Beyond
Revista encomendou retrato de Billie Eilish à adolescente russa por sugestão da cantora pop.

"Tenho 16 anos e adoro desenhar", escreve Nástia Kovtun em sua conta do Instagram. A adolescente tem uma quantidade modesta de seguidores – cerca de 7.500 –  no Instagram, onde publica suas obras de arte.

Um dos temas recorrentes na obra de Kovtun é a artista pop norte-americana Billie Eilish. Mas nem em sonho Kovtun poderia imaginar que a Vogue americana a encontraria e encomendaria um retrato de ninguém menos que sua ídola Eilish.

Mas foi o que aconteceu. A redação da Vogue foi atrás da adolescente russa e de outra artista, a norte-americana Kaylee Yang, de 20 anos.

"Kovtun e Yang vivem a quase 13 mil quilômetros de distância, falam idiomas diversos e desenham em estilos diferentes, mas o que as liga é Eilish", lê-se na revista sobre a escolha das jovens artistas.

Acontece que foi a própria Billie Eilish quem escolheu a dupla no Instagram para que a Vogue encomendasse a ilustração da capa. Difícil foi convencer as meninas de que a proposta não era pegadinha.

Para convencer a adolescente do interior da Rússia, a equipe da Vogue precisou enviar um scan da equipe editorial e traduções para o russo. Mas valeu a pena.

“Obrigada, @billieeilish e @voguemagazine por me dar esta oportunidade! Obrigada também, @liana_ava @nicburdekin @lindseymlaw e outras pessoas que trabalharam comigo”, escreveu Kovtun em sua página do Instagram, ao compartilhar o resultado da obra com os seguidores.

Assim, Nástia se tornou a artista mais jovem a ilustrar uma capa digital da Vogue e causou frisson na imprensa russa.

Kovtun descobriu Billie Eilish depois de assistir à série “13 Reasons Why”, na Netflix, onde a música “Bored” é parte da trilha sonora. Como a russa não falava inglês, teve que traduzir as letras de Eilish para entender a música que tanto ama.

“A letra é a mais forte do planeta. Pode fazer você chorar, rir, ficar com raiva ou preocupada”, disse Kovtun.

Ela prossegue sobre a ídola: “Billie é uma pessoa comum, como todos nós. Ela não se coloca acima de seus fãs e fala com eles como amigos. Nunca vi nada parecido! Nunca conheci alguém que tenha me influenciado e influenciado meu desenho tanto quanto ela”.

Confira outras obras de arte de Nástia Kovtun:

https://www.instagram.com/kovtunnnastya/

LEIA TAMBÉM: Por onde andam as meninas da banda t.A.T.u., as famosas adolescentes ‘homossexuais’?

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies