Quadro de Malevich é arrematado pelo recorde de quase US$ 86 milhões em Nova York

AFP
“Composição Suprematista” tornou-se a pintura russa mais cara de todos os tempos.

A obra “Composição Suprematista”, do artista russo Kazimir Malevich, foi arrematada por nada menos que US$ 85,8 milhões no leilão de arte moderna da Christie’s, em Nova Iorque, tornando-se a pintura russa mais cara de todos os tempos.

Criado em 1916, o quadro fora vendido por US$ 60 milhões em 2008 na Sotheby’s.

As vendas de arte impressionista e moderna na Christie’s na noite de terça-feira (15) renderam, no total, US$ 415,8 milhões em 33 lotes.

Veja 5 pinturas desconhecidas de Malevich muito além do ‘Quadrado Negro’

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail? 
Clique 
aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies