De vilões a (alguns poucos) mocinhos, atores russos são presença certa em Hollywood

Cena do filme “Atrás das linhas inimigas” (2001).

Cena do filme “Atrás das linhas inimigas” (2001).

Kinopoisk
A maioria dos russos é retratada como vilã nos estúdios norte-americanos, mas há também heróis e mocinhos por ali. Confira esta lista compilada pelo Russia Beyond e relembre estes personagens!

Atores russos contemporâneos são frequentemente chamados para encarnar personagens russos ou eslavos. Já virou tradição eles interpretarem os vilões, mas hátambém exceções dignas de nota. O Russia Beyond compilou uma lista dos papeis mais marcantes vividos por russos em blockbusters recentes produzidos por Hollywood.

Vladímir Machkov em “Atrás das linhas inimigas” (2001)

Este filme maniqueísta do tipo mocinhos versus vilões é ambientado na Guerra da Bósnia (1992-1995). Um piloto norte-americano (Owen Wilson) é abatido por sérvios da Bósnia e tenta encontrar um local seguro, enquanto as forças do general Lokar estão ávidas por capturá-lo.

Vladímir Machkov interpreta Sacha, braço direito de Lokar, atirador de elite e rastreador. Implacável e cruel, ele é um dos maiores adversários no filme. Seu papel é o do típico vilão, sem sentimentos por amigos ou adversários.

Ele busca fazer de tudo para se salvar, inclusive deixando os comparsas para trás.

Aleksandr Baluev em “O pacificador” (1997)

O general russo Aleksandr Kodoroff (interpretado por Aleksandr Baluev) é o principal vilão contra os heróis encarnados por George Clooney e Nicole Kidman neste politizado thriller de ação.

Baddie Kodoroff organiza o roubo de mísseis balísticos intercontinentais de um trem que parte de uma base militar russa. Após isso, os homens de Kodoroff explodem um dispositivo nuclear para cobrir seus rastros.

À medida que o filme progride, os planos de Kodoroff de vender os mísseis a um comprador estrangeiro encontram obstáculos, e ele acaba morto pelo personagem de Clooney, um coronel das forças especiais do Exército dos EUA. 

Mikhaíl Gorevoi (Michael Gor) em “007, Um Novo Dia Para Morrer” (2002)

Em um dos filmes da série de James Bond, Mikhaíl Gorevoi (Michael Gor) interpreta o cientista russo Vladímir Popov. Ele criou “Icarus”, um satélite orbital espelhado que pode focar a energia solar em uma pequena área. Com esta arma o coronel norte-coreano Tan-Sun Moon, chefe de Popov, planeja atacar a Coreia do Sul.

Durante a luta em um avião com James Bond (Pierce Brosnan), a cabine se despressuriza e o personagem de Gorevoi é sugado para fora - para a morte.

Igor Jijikine em “Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal” (2008)

Indiana Jones normalmente combate alemães, mas desta vez ele confronta os comunistas. O coronel Antonin Dovtchenko, interpretado por Igor Jijikine, lidera um grupo de soldados soviéticos na busca por uma caveira de cristal telepática nas florestas do Peru.

Apesar de sua idade avançada, Indiana derrota Dovtchenko em uma luta. Nocauteado, o coronel cai em uma massa de formigas vermelhas gigantes que instantaneamente o devoram vivo.

Danila Kozlovski em “Academia de Vampiros” (2014)

Um dos atores mais populares da Rússia, Danila Kozlovski faz o papel principal nesta comédia sobre vampiros. Seu personagem é Dmítri Belikov, um “dampiro” (metade humano, metade vampiro) da Sibéria. Ele é o mentor e namorado da protagonista principal do filme, Rose Hathaway.

Konstantin Khabensky em “Mar Negro” (2014)

Esta coprodução EUA-Reino Unido retrata a busca de um U-boot alemão perdido que afundou com um carregamento de ouro no litoral da Georgia durante a Segunda Guerra Mundial.

Estrelando Jude Law, o filme conta também com Konstantín Khabenski, que interpreta um marinheiro russo chamado “Blackie”.

O russo, porém, não sobrevive até o final do filme, já que é esfaqueado até a morte por outro marinheiro que enlouquece devido à crescente pressão dentro do submarino.

Valéri Nikolaiev em “O Santo” (1997)

Este filme sobre o cavalheiresco ladrão Simon Templar (Val Kilmer) retrata os eventos em Moscou durante a crise da década de 1990. O criminoso oligarca russo Ivan Tretiak (Rade Serbedzija) está ávido por superar o fraco governo e tomar o poder.

Simon se vê ao lado dos mocinhos e confrotna Tretiak e seu filho, Iliá, interpretad por Valéri Nikolaiev. Fora do comum, o filme tem dois finais possíveis. Em um deles, os Tretiak são presos na Praça Vermelha durante um golpe de Estado falho. Em outra versão, Iliá é morto por Templar durante uma luta.

Svetlana Khodtchenkova em “Wolverine: imortal” (2013)

A mutante Viper é interpretada por Svetlana Khodtchenkova, uma das principais antagonistas do personagem Logan, também conhecido como Wolverine. Ela é uma inimiga perigosa e possui habilidade semelhantes às de uma cobra, entre elas, veneno mortal.  

Durante a cena final, Viper é morta pela assistente de Logan, Yukio.

Iúri Kolokolnikov em “Game of Thrones” (2011-)

A aparição do “selvagem” Styr interpretado por Iúri Kolokolnikov na série de TV épica foi curta, mas brilhante. Seu personagem era um Magnar, ou líder da Thenn, uma das tribos mais violentas do Free Folks.

Styr participa do ataque em Castle Black, onde abate muitos guerreiros do Night’s Watch. No final, ele é morto por Jon Snow durante seu duelo pessoal.

Oleg Taktarov em “Predadores” (2010)

O personagem Nikolai Fiôdorov é interpretado pelo ator e ex-lutador de MMA Oleg Taktárov e um dos poucos personagens positivos a aparecer nos filmes de Hollywood contemporâneos.

Um soldado das forças especiais da Rússia, Nikolai é pego pelos Predadores durante um combate na Tchetchênia e colocado em uma reserva de caça por um planeta desconhecido junto a outros super-guerreiros de diversos países.

Com o porte de uma arma poderosa, Fiôdorov se torna alvo dos Predadores. Ele não hesita em retornar e resgatar o membro da equipe Edwin, um ato que acaba lhe custando a vida.

Ferido, Nikolai causa uma explosão suicida, matando também o inimigo.

Gostou desta matéria? Leia mais sobre o tema em 11 erros épicos sobre a Rússia em filmes de Hollywood

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies