Nova tecnologia que recria sonhos será reforço na reabilitação após AVC

Shutterstock/Legion Media
Fones de ouvido que escaneiam o cérebro podem contribuir para recuperação também durante o sono.

Uma tecnologia russa para recriar sonhos deve ajudar na recuperação de acidentes vasculares cerebrais, segundo afirmou Vladimir Konichev, CEO da Neurobotics, responsável pelo desenvolvimento do novo aparato.

A empresa, que é membro do sindicato industrial NeuroNet da Iniciativa Nacional de Tecnologia (NTI), desenvolveu um sistema de hardware e software, com fones de ouvido neurais que poderão ser conectados a um aplicativo em um telefone ou computador. Os fones de ouvido captam sinais de um eletroencefalograma (EEG), leem a atividade cerebral na superfície da cabeça e, assim, obtêm dados sobre o estado do cérebro.

A tecnologia também pode ser usada para recriar sonhos: à medida que a atividade cerebral continua durante o sono, é possível determinar que tipo de imagens a pessoa produziu.

“O complexo hardware-software permite localizar as fontes de atividade cerebral frente a diferentes estímulos audiovisuais e, posteriormente, treiná-las por meio do biofeedback (neuroBOS). Como parte da reabilitação após AVC, é muito importante começar o treinamento o mais rápido possível para preservar as conexões neurais não afetadas e começar a formar novas. Durante o sono a pessoa costuma ficar mais receptiva, e esse período pode e deve ser aproveitado também para a recuperação”, explica Konichev.

LEIA TAMBÉM: Novo implante cerebral russo promete devolver visão aos cegos

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies