Kalashnikov revela seu primeiro hovercraft, o Haska-10

Anton Novoderezhkin/TASS
Novo navio de colchão de ar poderá transportar fuzileiros navais e veículos blindados leves para zonas remotas e lugares difíceis de alcançar a grandes velocidades.

O Consórcio Kalashnikov apresentou seu primeiro hovercraft de múltiplas funções, intitulado Haska-10, que foi criado para transportar infantaria de Marinha e carga a alguns dos locais mais remotos do mundo.

O veículo pode atravessar diversos tipos de solo e deslocar-se na água para realizar missões não apenas militares, mas também de resgate e civis.

O aerodeslizador da marca Kalashnikov pode transportar até dez toneladas de carga e acomodar veículos blindados leves Tigr. O navio tem 21 metros de comprimento, 12,5 metros de largura e quase 7,5 metro de altura. Seu deslocamento é de 35,7 toneladas.

O Haska-10 é movido por dois motores de 800 cavalos de potência, podendo alcançar até 40 nós náuticos (mais de 70 km/h) de velocidade, além de ter um alcance de 750 km. O barco requer uma tripulação de apenas três pessoas.

Segundo o diretor da Kalashnikov, Dmítri Tarassov, a empresa já começou as negociações com Índia, Vietnã e Cazaquistão sobre o possível fornecimento dos veículos. Além disso, o hovercraft ajudará na exploração do Ártico e de regiões remotas da Sibéria e do Extremo Oriente russo.

De acordo com o analista militar Dmítri Safonov, o futuro do Haska-10 depende das decisões do Ministério da Defesa russo e do Ministério para Situações de Emergência, uma vez que no setor privado somente as empresas petrolíferas podem adquirir navios desse porte.

"Hoje, na Rússia, há cerca de 3 mil hovercrafts. Eles entregam mercadorias para áreas remotas do país, incluindo o Ártico. O Haska-10 poderia ser incluído no programa de desenvolvimento da construção naval até 2030, e um certo número poderia ser encomendado pelos militares, serviços de resgate e outras agências governamentais", disse Safonov.

Segundo ele, a frota russa de aerodeslizadores precisa ser modernizada, e o Haska-10 poderia vencer o leilão, já que, além do transporte de carga, é adequado para fins militares.

Concorrência estrangeira

O Haska-10 é um concorrente conceitual do veículo de colchão de ar LCAC americano, utilizado pela Marinha dos Estados Unidos para transportar tropas e equipamentos de navios para a terra.

No entanto, é impossível comparar os prós e os contras do Haska-10 e do LCAC, segundo Safonov.

"Os norte-americanos têm usado o LCAC em operações no exterior desde meados dos anos 1980, enquanto o Haska-10 acaba de ser revelado. Assim, é muito cedo para falar sobre seu uso em combate. Quanto a suas vantagens, a velocidade máxima do Haska-10 de 40 nós é um bom indicador. Entretanto, o LCAC é muito maior, usado em porta-aviões e pode transportar mais tropas e equipamentos para a zona de combate de uma só vez", explica Safonov.

Segundo ele, as capacidades reais do Haska-10 serão mais óbvias após um ano de serviço ativo, tanto militar como civil. De acordo com fontes abertas, um LCAC norte-americano custa entre US$ 26 milhões e US$ 41 milhões, dependendo da configuração.

A Kalashnikov não revelou o preço do Haska-10, mas, como todas as armas de exportação russas são comercializadas com preços abaixo das dos concorrentes, pode-se inferir que o preço do novo aerodeslizador russo será mais barato que isso.

LEIA TAMBÉM: Os 7 melhores hovercrafts militares e civis russos

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies