Rússia começa a construir aviões Su-35 para o Egito

Vadim Savitsky/Global Look Press
Prazo de entrega de caças russos poderá ser adiado devido à pandemia do coronavírus.

No final de maio, a fábrica de aviões de Komsomolsk-no-Amur iniciou a montagem de caças Su-35 para o Egito.

"Os aviões são fabricados seguindo contrato assinado em 2018. As datas de entrega do primeiro lote ainda não foram determinadas devido às restrições da pandemia", disse uma fonte militar-diplomática à agência de notícias russa Tass.

 

O contrato foi assinado em 2018 e tem valor estimado pelo jornal Rossiyskaya Gazeta em mais de US$ 2 bilhões. O documento prevê o fornecimento de mais de 20 caças e munições ao Cairo.

 

Os especialistas militares afirmam que esses aviões de ataque de geração 4++ garantirão a superioridade da Força Aérea Egípcia na região.

LEIA TAMBÉM: Quais armamentos a Rússia exportou em 2019?

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies