Médicos russos realizam primeiro transplante simultâneo de três órgãos em criança

Pixabay
Garoto de 9 anos sofria de fibrose cística e cirrose hepática. Número de transplantes no país cresceu mais de 50% nos últimos três anos.

O primeiro transplante simultâneo de três órgãos para uma criança foi realizado com sucesso em fevereiro passado na Rússia. A informação foi divulgada no início da semana pela ministra russa da Saúde, Veronika Skvortsova.

“Foi uma operação única, nada similar foi feito no mundo envolvendo uma criança. Esta foi a primeira operação bem-sucedida de transplante simultâneo de três órgãos”, disse.

Diagnosticado com fibrose cística e cirrose hepática, Michael, de 9 anos, viajou de Sacalina, no Extremo Oriente russo, a Moscou para realizar o procedimento no Centro de Estudos Científicos e Médicos Chumakov.

Depois da operação de dezesseis horas, o garoto, que sofria problemas de mobilidade, recuperou-se rapidamente e hoje já consegue se mover de forma independente.

LEIA TAMBÉM: Como um médico soviético fez a própria cirurgia de apendicite na Antártida 

Skvortsova destacou que, nos últimos três anos, o número de transplantes aumentou em 50% no país, chegando a quase 1.400 operações em 2018 – incluindo cerca de 500 intervenções no fígado e 290 cardíacas (200 realizadas no Centro Chumakov).

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies