México e Colômbia querem encomendar novo lote de helicópteros para resgates russos

Vitali V. Kuzmín
Os primeiros modelos do Ansat foram entregues a empresas latino-americanas em 2015 e mostraram eficácia em campo.

O México e a Colômbia querem comprar um novo lote de helicópteros russos Ansat, que têm módulos médicos e podem ser usados em missões de resgate, segundo o diretor-geral da Russian Helicopters, Andrêi Boguinski.

"No ano passado, quando o ministro da Indústria e Comércio da Rússia, Denís Manturov, realizou uma viagem a países da América Latina, os representantes da Helicopters of Russia realizaram negociações com os parceiros da Colômbia, que demonstraram interesse em helicópteros médicos Ansat”, disse Boguinski durante a exposição HeliRussia 2018 à agência de notícias Ria Nóvosti.

“Já recebemos diversas aplicações de empresas mexicanas e colombianas que querem adquirir novas aeronaves russas", disse.

Segundo ele, os principais compradores dos helicópteros russos em países latino-americanos são a Colômbia, o México e o Peru.

Você sabia que a Rússia criará uma aeronave civil supersônica baseada em bombardeiro nuclear? Então leia aqui!

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail? 
Clique 
aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies