15 fotos que revelam por que a noite em Moscou é de tirar o fôlego

A capital russa nunca dorme – e revela muitas belezas escondidas quando escurece.

Noite estrelada sobre bairro periférico da cidade.

Torre de TV Ostankino bem de perto.

O ponto mais central de Moscou – a Praça Vermelha e a Catedral de São Basílio.

Distrito empresarial conhecido como Moscow City (e a Universidade Estatal de Moscou Lomonossov ao fundo).

Nova York ou Moscou?

Samovar no café Tchaikovsky. Aliás, há muitos restaurantes que operam 24 horas por dia em Moscou.

Se a cidade não dorme, que dirão seus escritórios.

Catedral do Cristo Salvador, a principal igreja ortodoxa da Rússia.

Eis a “catedral da ciência” – como é chamada na Rússia –, ou Universidade Estatal de Moscou Lomonossov.

Torre de rádio Chukhov, também conhecida como a torre Chabolovka. Aliás, há uma história interessante por trás dessa megaestrutura de aço – leia aqui.

Loja de departamentos GUM na Praça Vermelha é famosa por suas iluminações festivas.

Kremlin e Grande Ponte de Pedra sobre o rio Moscou.

Com 540 metros, a torre de TV Ostankino é a construção mais alta de Moscou – e pode ser vista de diferentes pontos da cidade.

Típicos do verão, relâmpagos cortam o céu da capital à noite.

Multidão se reunindo para assistir a fogos de artifício, o que geralmente acontece em grandes feriados, como Dia da Vitória (9 de maio), Dia da Rússia (12 de junho), aniversário da cidade (no primeiro fim de semana de setembro), Ano Novo e outros.

LEIA TAMBÉM: 24 ou 48 horas em Moscou: para onde ir e o que fazer (guia 2019) 

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies