7 alimentos russos que ajudam a perder peso

Comer e perder peso ao mesmo tempo é o sonho apreciado por todas as pessoas. Assim como a brasileira, a cozinha russa é rica em produtos para manter a forma.

  1. Kefir e tvorog

Todos os produtos lácteos, especialmente kefir, coalhada e tvorog (um queijo russo tipo cottage), ajudam a queimar gordura ao aumentar certos hormônios no organismo. Há bem menos glicose nesses produtos do que no leite comum, e possuem proteínas de alta qualidade que aceleram o metabolismo. Há quem apele para dietas radicais a base desses laticínios: uma delas sugere jejum total, com exceção de até 1,5 litro de kefir por dia. Pepinos e outros legumes frescos podem ser adicionados ao kefir. 

  1. Mingau de trigo-sarraceno (grechka)

Grechka é uma fonte rica em fibras e carboidratos de absorção lenta. Por ser digerido lentamente, libera energia ao longo de algumas horas. Além disso, é melhor comer grechka sem sal ou açúcar – mas aconselha-se adicionar legumes e vegetais frescos.

Para preparar o trigo-sarraceno, pode-se levá-lo à fervura junto com a água, mas, na Rússia, é, em geral, apenas hidratado para conservar os nutrientes. Misture um copo do trigo seco com duas xícaras de água fervente e deixe durante a noite toda em uma panela coberta (que pode ser embrulhada em um pano de prato para manter o calor).

Acredita-se que jejuar por um dia, consumindo apenas 250 gramas de grechka (cereal seco), pode ajudar uma pessoa a perder um quilo.

  1. Pepinos

Beber muita água é bom para a pele e enche o estômago, saciando a fome. Quase 95% do pepino é composto por água, e o vegetal quase não possui calorias.

Por tanto, substitua saladas pesadas (com maionese, molho, carne e etc.) por versões com pepinos, e os primeiros resultados serão evidentes já na primeira semana.

Há quem diga que comer 1,5 kg de pepino (em uma salada leve, por exemplo) pode resultar na perda de um quilo por dia.

  1. Repolho

Há longa data nos cardápios russos, o chucrute, por exemplo, é um dos pratos com menos calorias da cozinha eslava – são apenas 10 calorias a cada 100 gramas. Além disso, o repolho branco é rico em ácidos que impedem que os carboidratos se transformem em gordura. Portanto, depois de comer muito doce, basta comer uma folha de repolho, como era de costume na antiga dieta russa de baixa caloria.

A dieta do repolho pode promover a perda de cinco quilos em uma só semana. Como funciona? Em primeiro lugar, coma folhas de repolho sempre que estiver com fome. Além disso, é recomendável comer uma salada com repolho, cenouras e maçãs no café da manhã e almoço e beber um copo de kefir sem gordura antes de ir para cama.

  1. Framboesas

Comer uma pequena tigela de framboesas todos os dias antes do café da manhã pode ajudar a emagrecer (não vale geleia!). Além de deliciosa, essa pequena fruta vermelha auxilia na digestão de carboidratos de rápida absorção. 

  1. Raiz-forte

Na Rússia, é importante não ficar doente durante o inverno. Esse é um dos motivos pelos quais, desde o século 16, os russos comem raiz-forte ralada. Essa raiz, que combina bem com peixes, também ajuda a queimar gordura. Só não erre na medida!

  1. Maçãs

Dá para imaginar a culinária russa sem maçãs? Antes de tudo, é importante ressaltar que, além de nutritivas, elas também podem facilmente substituir os doces.

Jejuar por um dia, alimentando-se apenas de 1,5 kg de maçãs, faz uma pessoa perder um quilo, dizem os russos. Mas não se deve repetir isso mais de uma vez por semana.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies