Tvôrog, a ricota russa que tem uma popularidade para lá de alta

Uma espécie de ricota russa, tvôrog pode ser feito em casa.

Uma espécie de ricota russa, tvôrog pode ser feito em casa.

Legion Media
Ingrediente é considerado, com razão, um dos mais “criativos” da Rússia. Ele está em uma enorme quantidade de pratos da culinária local e, além disso, seu nome provém do verbo “tvorít”, ou seja, “criar”.

Diversas receitas russas levam o “tvôrog”, que dificilmente é encontrado em algum mercado brasileiro. Uma espécie de ricota russa, ela pode, porém, ser feita em casa, como o Russia Beyond mostra aqui.

O tvôrog consiste da parte sólida da cultura de bactérias do leite em sua forma mais pura, sem aditivos.

Talvez nenhum outro alimento tenha tantas propriedades excepcionalmente saudáveis e substâncias nutritivas, vitaminas e minerais como o tvôrog.

Além disso, o tvôrog tem alta concentração de proteínas e componentes nutritivos, o que o faz ser fácil de digerir.

Este produto é especialmente saudável para crianças em fase de crescimento e atletas em atividades que exijam muita energia.

As bactérias do tvôrog tem um efeito positivo na microflora intestinal – essas, porém, estão ausentes no queijo cottage comum para maior duração deste.

O tvôrog é considerado, com razão, um dos ingredientes russos mais “criativos”. Ele está em uma enorme quantidade de pratos da cozinha russa. Além disso, seu nome provém do verbo “tvorít”, ou seja, “criar”.

O tvôrog pode ser ingerido sem quaisquer adições. Um dos cafés da manhã mais tradicionais da Rússia, porém, consiste em misturar tvôrog com açúcar e leite. Ele pode ser misturado a smetana (também conhecida como creme de leite azedo ou sour cream) e geleia ou, pelo contrário, ser adicionado de sal e cheiro verde ou outras ervas.

Uma das sobremesas mais populares da Rússia, a vatruchka, é uma massa recheada de tvôrog no meio. Ela é indispensável com o chá.

Além do bolo kulich, a mesa festiva da Páscoa Ortodoxa inclui o prato páskha, que em português significa “Páscoa”. Ele consiste em um bloco de tvôrog em forma de pirâmide simbolizando o Santo Sepulcro.

A páskha é feita de tvôrog coado, creme, ovos e açúcar, além de uvas passas, frutas secas e nozes.

Já os varêniki são pasteizinhos recheados de tvôrog, batatas e bagas.

Ingredientes:

4 litros de leite (de preferência, com pouca gordura e pasteurizado);

Suco de 2 limões grandes (aproximadamente 120 ml.).

Modo de preparo:

  1. Ferva o leite e o despeje sobre ele, aos poucos, o suco de limão recém-espremido. O líquido começará a coalhar, com a formação de blocos sólidos brancos.
  2. Coloque a mistura em fogo baixo e mexa sem parar até que a coalhada se solidifique, o que levará cerca de 20 minutos.
  3. Separe a parte sólida do soro. Despeje o conteúdo da panela em um escorredor de macarrão com uma musselina por cima e esprema para drenar.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies