Russos restauram tanque dos EUA retirado do fundo do mar; veja fotos

Ministério da Defesa da Rússia
Completamente restaurado, tanque Sherman M4A2 (76) W complementa coleção do parque-museu ‘Patriot' nos arredores de Moscou.

Um veículo blindado Sherman M4A2 (76) W que passou mais de 70 anos no fundo do Mar de Barents foi trazido à superfície por mergulhadores da Frota do Norte da Rússia.

O navio norte-americano Thomas Donaldson, que transportava equipamento militar para a União Soviética como parte do programa “Lend-Lease”, foi afundado pelo submarino alemão U-995 em 24 de março de 1945, na baía de Kola, perto de Múrmansk, cidade hoje no norte da Rússia.

O navio transportava tanques médios Sherman M4A2 exclusivos, armados com o canhão M1M4A2 (76) W de calibre de 76 mm. Esses veículos blindados são equiparáveis aos lendários T-34-85 soviéticos, já que têm características de combate quase idênticas.

Os primeiros tanques do tipo começaram a chegar à URSS em setembro de 1944 e foram imediatamente enviados para a frente de batalha.

LEIA TAMBÉM: Os veículos britânicos e americanos usados pelo Exército Vermelho

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies