Quem fundou a Rússia e a governou antes dos Românov?

Russia My History historical park
Ancestrais da Dinastia de Riúrik podem ser rastreados a partir dos ‘vikings russos’, que se tornaram também os primeiros príncipes russos.

Os ancestrais da Dinastia de Riúrik (também grafada em português como “Rurik”) podem ser rastreados a partir dos variagues ou varegues, os vikings que se tornaram os primeiros príncipes russos. A Dinastia de Riúrik se estendeu por muito tempo após os Românov chegarem ao poder e continuou respeitada.

1. É verdade que o Estado russo foi fundado por não eslavos?

Sim, os fundadores da Rússia eram, provavelmente, ​​varegues, apesar de uma crônica russa do século 12 chamá-los de "Rus". De acordo com a crônica, Riúrik (que morreu em 879) foi um príncipe varegue que foi invocado pelos povos finlandeses e eslavos do Leste de terras do noroeste no ano de 862:

A discórdia nasceu entre eles, e iniciou-se a guerra interna, o que os levou a buscar um príncipe para governá-los e julgá-los segundo a lei. Assim, eles foram para o exterior, para a Rus dos Varegues. Foram estes varegues, especificamente, que ficaram conhecidos como Rus, assim como outros foram chamados de suecos e outros normandos, anglos e godos.

Segundo o “Conto dos Anos Passados ​​(Crônica Primária)”, da Rússia do século 12, os povos tchud ou chudes, os eslavos e os krivichianos disseram então ao povo da Rus: "Toda a nossa terra é grande e rica, mas não há ordem nela. Venha instaurar a ordem e reinar sobre nós".

Riúrik, o invasor varegue e governante sueco da Rússia.

Junto com Riúrik, vieram seus aliados (a crônica os chama de "irmãos"), Sineus e Truvor. Eles se estabeleceram, junto com sua comitiva, nas cidades de Ládoga e Nôvgorod (Riúrik), Bieloôzero (Sineus) e Izbrsk (Truvor). Isto foi um marco, também conhecido como a “convocação dos varegues”, e foi o ponto de partida do Estado russo.

Truvor e Sineus morreram logo após o estabelecimento de seus territórios, e Riúrik consolidou essas terras em seu próprio território. Os sucessores de Riúrik, a começar por seu filho, Igor (878-945), deram continuidade à Dinastia de Riúrik.

2. Quantos descendentes da Dinastia de Riúrik houve?

Riúrik no monumento “Milênio da Rússia”, em Velíki Nôvgorod.

Houve centenas. Mas não se pode estimar o número exato devido à falta de fontes históricas. A árvore genealógica mais abrangente dos Riúrik pode ser acessada aqui (link em russo).

No século 11, a dinastia se ampliou muito e nasceram “subdinastias”. Muitos príncipes governaram centenas de cidades em toda a Rússia, criando uma fragmentação feudal da terra. Havia mais de cinco ramificações principais da dinastia naquela época.

3. Por quanto tempo eles governaram a Rússia?

A fortaleza de Izbórsk, na região de Pskov, na Rússia. Este foi um dos lugares onde se iniciou o Estado russo.

A Dinastia Riúrik governou a Rússia por 748 anos - a parir do ano de 862, quando Riúrik e seus irmãos foram convocados, até 1610, quando o último tsar da Dinastia de Riúrik, Vassíli 4° da Rússia (Vassíli Chúiski), foi deposto.

4. Quem foram os membros mais famosos da Dinastia de Riúrik?

Vladímir o Grande, que batizou a Rus.

Iarosláv, o Sábio, criador da primeira lei russa, a Rúskaia Právda.

Vladímir 2° Monomakh, unificador da Rus de Kiev.

Iúri Dolgorúki, fundador de Moscou.

Aleksandr Niévski retratado por Pável Korin (1942-1943).

Aleksandr Niévski, que derrotou a Ordem Teutônica.

Ivan 1° de Moscou (Ivan Kalita), que começou a unir as terras sob Moscou como uma cidade central.

Dmítri Donskôi, que derrotou os mongóis tártaros na batalha de Kulikóvo.

Retrato de Ivan, o Grande, Grão-Príncipe de Moscou.

Ivan 3°, o Grande, o primeiro Grão-Príncipe de Moscou.

Ivan 4°, o Terrível, o primeiro tsar russo.

5. Quando e por que o governo da Dinastia de Riúrik terminou?

Vassíli 4° Chúiski da Rússia.

Vassíli Chúiski (1552-1612) foi o último tsar da Dinastia de Riúrik a governar a Rússia, em 1606, após o Falso Dmítri 1°, que fingia ser tsar, ser morto.

Chúiski pertencia ao ramo de Súzdal da Dinastia de Ripurik. Ele governou por 4 anos, mas nunca foi reconhecido. Até mesmo em Moscou ele gozava de pouquíssima autoridade.

No ano de 1610, ele foi deposto pelos príncipes Vorotinski e Mstislavski. Chúiski foi obrigado a se tornar monge e morreu 2 anos mais tarde, na Polônia.

6. A Dinastia de Riúrik e a dos Românov tem alguma ligação?

Mikhaíl Fiódorovitch Românov (1596-1645), o primeiro tsar russo da Dinastia Românov.

Sim, os Românov tinham um ancestral da Dinastia de Riúrik, Fiódor Kochka ("O Gato"), que morreu em 1407. Seu tataraneto, Román Zakharin-Kochkin (que morreu em 1543), era o progenitor dos Românov.

7. Quantos membros da Dinastia de Riúrik restaram após os Românov chegarem ao poder? O que eles faziam?

Os descendentes da Dinastia de Riúrik perderam o direito ao trono, já que Mikhaíl Fiódorovitch (1596-1645), o primeiro Românov, foi eleito pelo Zêmski Sobôr de 1613 (um parlamento russo ocasional entre os séculos 16 e 17). Assim, os Românov chegaram ao poder pela lei terrena.

20 de fevereiro de 1613. Lia-se um decreto sobre a nova dinastia Românov no Kremlin de Moscou. Miniatura do século 17.

Mesmo assim, os membros da Dinastia de Riúrik eram muito respeitados. Todos eles mantiveram seus títulos principescos ainda após as reformas de Pedro, o Grande. A partir do início do século 18, havia 47 dinastias de príncipes russas, a maioria delas, ramificações da Dinastia de Riúrik. Na década de 1880, 36 deles continuavam. Os descendentes desta dinastia levavam vidas diversas, mas serviam principalmente ao Estado como funcionários públicos ou oficiais militares.

Príncipe Nikíta Lobânov-Rostóvski.

Atualmente, milhares de pessoas ainda carregam o DNA dos Riúrik. Nikíta Lobânov-Rostóvski (1935-), genealogista e colecionador, é um dos mais conhecidos descendentes da Dinastia de Riúrik na atualidade.

Andrêi Gagárin (1934-2011).

O professor universitário de física Andrêi Gagárin (1934-2011), foi outro descendente de Riúrik proeminente. Ele foi casado três vezes e pai de duas filhas e um filho. O príncipe Dmítri Chakhovskoi (1934-), outro descendente de Riúrik, é professor de letras. Ele vive em Paris.

LEIA TAMBÉM: Quanto sangue russo corria pelas veias dos Romanov?

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies